Campus Sustentável inicia série de palestras sobre uso racional de energia

O projeto Campus Sustentável iniciou uma série de palestras sobre a importância do uso racional da eletricidade na universidade. A primeira atividade foi realizada na sexta-feira (11), no auditório da Escola de Educação Corporativa (Educorp), com o professor José Tomaz Vieira Pereira, da Faculdade de Engenharia Mecânica e do Núcleo Interdisciplinar de Planejamento Energético (Nipe).

José Tomaz Vieira Pereira, do Núcleo Interdisciplinar de Planejamento Energético
José Tomaz Vieira Pereira, do Núcleo Interdisciplinar de Planejamento Energético

A plateia, formada por representantes de várias unidades administrativas, de ensino e pesquisa, acompanhou atentamente a apresentação de José Tomaz Pereira sobre a geração de energia e suas transformações. O professor apresentou conceitos, com questões mais técnicas ligadas à termodinâmica, e relacionando com o seu uso e às fontes disponíveis. Segundo José Tomaz Pereira, é importante que a questão da energia seja olhada do ponto de vista do usuário. "Não adianta você mexer nos equipamentos se não criarmos uma cultura de conhecimento sobre o uso da energia".

José Tomaz Pereira ainda comentou as relações entre as fontes energéticas, os cuidados que os usuários devem tomar para o uso correto, e como a energia está ligada aos sistemas ambientais, sociais e ecológicos. "Independente de sua vontade, ao mexer com energia afetamos os três sistemas, impactando a sustentabilidade, a nossa vida e de outros seres".

Público acompanha palestra de José Tomaz Vieira Pereira
Público acompanha palestra de José Tomaz Vieira Pereira

A programação do ciclo de palestras do Campus Sustentável seguirá no próximo dia 7 de junho, com uma apresentação sobre as iniciativas do projeto, com o professor José Luiz Pereira Brittes, da Faculdade de Ciências Aplicadas (FCA). E no dia 14 de junho o tema da terceira palestra será sobre geração de eletricidade a partir do uso de painéis solares, com Marcelo Gradella Villalva, da Faculdade de Engenharia Elétrica e de Computação (FEEC). Todas as atividades serão realizadas às 14 horas, no auditório da Educorp.

Resultado de uma parceria entre a Unicamp e a Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL Energia), o projeto Campus Sustentável  tem como objetivo estabelecer um modelo de gestão e eficiência energética que possa ser replicado em outras instituições de ensino superior do país. Iniciado em janeiro de 2018, o programa deve durar 36 meses, pretendendo obter uma econômica gradativa no consumo e gastos com eletricidade no campus de Barão Geraldo. A meta é economizar R$ 1 milhão/ano ao fim do projeto.

Público acompanha palestra de José Tomaz Vieira Pereira
Público acompanha palestra de José Tomaz Vieira Pereira

"O projeto engloba iniciativas voltadas para o uso de novas tecnologias eficientes e de monitoramento do consumo, melhorando a gestão do uso de energia no campus”, explica o coordenador do projeto Campus Sustentável Luiz Carlos Pereira da Silva. "O objetivo principal desse ciclo de palestras é conscientizar as pessoas, para que aliado ao uso de novas tecnologias, consigamos atingir os objetivos de conservação e eficiência energética na Unicamp".

Ainda inicial, o projeto Campus Sustentável já apresenta um resultado positivo em alguns dos primeiros prédios em que  algumas iniciativas começaram a ser feitas. Nas duas agências do Banco do Brasil no campus foram instalados medidores para monitoramento de consumo, sendo constatado desperdício de energia nesses locais.

Luiz Carlos Pereira da Silva, coordenador do Campus Sustentável
Luiz Carlos Pereira da Silva, coordenador do Campus Sustentável

"Algumas ações já foram tomadas nesses locais e resultaram em economia de energia. As agências têm uma grande ala de caixas eletrônicos que ficam disponíveis fora do expediente e aos finais de semana. A porta travava aberta e aumentava o consumo de ar condicionado. Ao ser instalado um limitador de borracha no chão para evitar o travamento da porta, foi observada uma redução no consumo da ordem de 200 a 300 kWh por dia", conta Luiz Carlos Pereira da Silva. 

José Tomaz Vieira Pereira, do Núcleo Interdisciplinar de Planejamento Energético

Além da série de palestras, o programa Campus Sustentável conta com oito subprojetos em atividade, como a implantação um minicentro inteligente de dados de consumo e operação de redes elétricas, um laboratório de geração fotovoltaica e projetos de eficiência energética. Também está sendo planejada a implantação em breve de um ônibus circular elétrico, com eletroposto de recarga e geração própria de energia, em parceria com a empresa BYD.