Mostra expõe trabalhos dos alunos de Arquitetura e Urbanismo

Desenho de três mulheres, uma ao lado da outra. A primeira está sentada de costas, a segunda está de frente e a terceira apenas o perfil do rosto. Foram feitos pelos alunos de Arquitetura e Urbanismo.
Divulgação

A nova edição da exposição “O desenho na arquitetura: modelo vivo” acontecerá no Espaço Cultural Casa do Lago (Avenida Érico Veríssimo, 1011 – Cidade Universitária ‘Zeferino Vaz’), nos dias 11 a 25 de agosto, das 8 às 22 horas. O evento propõe divulgar os trabalhos feitos em sala pela turma de 2016 na disciplina Desenho I: Desenho Artístico, do curso de Arquitetura e Urbanismo da Unicamp.

Todos os desenhos em exibição foram produzidos pelos alunos do primeiro ano do curso a partir da observação de uma modelo viva, a bailarina Paula D’Ajello. Para o professor da Unicamp e curador da mostra, Marco do Valle, a importância de desenhar um modelo vivo é permitir o uso da criatividade, deixando os alunos mais autônomos ao se verem livres de programas de computador.

“Apesar da alta tecnologia e do uso de computadores para fazer projetos, o desenho é um instrumento fundamental para o arquiteto desenvolver sua criatividade para pensar novos modelos e volumetrias. Em 2003, conversando com [o arquiteto Oscar] Niemeyer, falei que ensinava desenho usando Modelo Vivo, ao que ele me disse: muito bem!”, expõe o professor Marco em texto de autoria própria.

Essa técnica de desenho a partir de um modelo vivo chegou ao Brasil por influência dos franceses, no século XIX. O método de ensino foi considerado essencial para o domínio de todas as atividades artísticas, inclusive a arquitetura, exatamente por englobar novos conhecimentos e habilidades, além de oferecer um panorama sobre a linguagem das máquinas e a produção industrial.

Mais informações sobre a exposição podem ser encontradas na página do evento. Confira também fotos da edição de 2015 da exposição na página da Faculdade de Ciências Médicas.