Unicamp se destaca em ranking THE dividido por áreas do conhecimento

Edição de imagem

A Unicamp registrou boas colocações no World University Rankings de 2023 por áreas do conhecimento. A Universidade está entre as 151 e as 600 melhores instituições de ensino do mundo em 9 das 11 áreas do conhecimento que compõem o ranking. As melhores colocações foram registradas nos setores de Educação, Artes e Humanidades.

As únicas áreas em que a Unicamp não obteve pontuação foram Direito e Psicologia, não contemplados pelos cursos da Universidade (veja o detalhamento a seguir). A pesquisa foi divulgada nesta terça-feira (25) e elaborada pela consultoria britânica Times Higher Education (THE), uma das instituições de mais prestígio no setor de rankings educacionais. 

Área de Artes e Humanidades foi um dos destaques do ranking THE
A área de Artes e Humanidades foi um dos destaques do ranking THE

As colocações da Unicamp nas nove áreas são:

Artes e Humanidades: posição entre 176 e 200;

Negócios e Economia: 501-600;

Medicina e Saúde: 301-400;

Ciência da Computação: 301-400;

Educação: 151-175;

Engenharias: 401-500;

Ciências da Vida: 201-250;

Ciências Físicas: 501-600;

Ciências Sociais: 301-400.

A Área de Educação teve um avanço significativo; no ano passado figurou entre as posições 251 e 300, em 2022 está entre 151-175
A área de Educação teve um avanço significativo; no ano passado figurou entre as posições 251 e 300, em 2022 está entre 151-175

As duas áreas de destaque no ranking tiveram um avanço significativo da edição 2022 para esta. No ano passado, Educação figurou entre as posições 251 e 300 e Artes e Humanidades esteve entre as posições 201 e 250. A área de Ciência da Computação também subiu no ranking: na edição de 2022 da pesquisa, a universidade esteve entre as posições 401 e 500. 

Ainda segundo a consultoria, a Unicamp é a segunda melhor universidade do país, superada apenas pela Universidade de São Paulo (USP). O ranking mundial foi divulgado em 11 de outubro e avaliou 1.799 instituições de ensino de 104 países. Na classificação geral, a Unicamp está entre as posições 401 e 500 no mundo. A lista é encabeçada pela Universidade de Oxford, no Reino Unido, seguida pela Universidade Harvard, nos Estados Unidos. 

Já no ranking da América Latina, a Unicamp é a terceira melhor instituição do continente. A lista é liderada pela Pontifícia Universidade Católica do Chile, seguida pela USP. Entre os critérios utilizados para a avaliação, a universidade se destacou no quesito Pesquisa, conquistando os 100 pontos totais da avaliação. 

Leia mais:

Ranking THE mantém Unicamp como a segunda melhor universidade do Brasil 

Times Higher Education aponta Unicamp como terceira melhor universidade da América Latina 

Imagem de capa
A Unicamp registrou boas colocações no World University Rankings de 2023 por áreas do conhecimento

twitter_icofacebook_ico

Comunidade Interna

Uallace Moreira Lima reafirmou o compromisso do atual governo em apoiar ações e projetos responsáveis por contribuir para o crescimento econômico e sustentável do país

A publicação apresenta um panorama das pesquisas desenvolvidas por estudantes e pesquisadores indígenas nas diferentes regiões do país, em todas as áreas do conhecimento

O grupo é composto por 65 intercambistas de graduação, que farão disciplinas isoladas em diferentes cursos, e 70 alunos regulares de pós-graduação

Atualidades

O encontro reuniu estudiosos do Brasil e do mundo para discutir a forma como as duas áreas devem se preparar a fim de enfrentar os grandes desafios contemporâneos no campo da saúde mental

O projeto “Reator sustentável: constituído por eletrodos de óxidos metálicos e células solares, para aplicações na descontaminação de água ou conversão de CO2 utilizando energia solar” é desenvolvido no âmbito do Centro de Inovação em Novas Energias 

Professor do Instituto de Geociências e autor do livro “Africano: uma introdução ao continente”, Kauê Lopes dos Santos comenta aproximação com países como Egito e Etiópia

Cultura & Sociedade

Escritor e articulista, o sociólogo foi presidente da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais no biênio 2003-2004

O evento acontecerá entre os dias 29 de fevereiro e 10 de março; a obra ESTAFA ou sobre os sonhos não dormidos foi selecionada na categoria de peças internacionais