Termina a segunda fase do Vestibular Unicamp 2022

foto mostra sala de aula com alunos fazendo prova do vestibular. todos usam máscara
Provas de habilidades específicas do Vestibular 2022 ocorrem entre os dias 13 e 15 de janeiro (foto: Antonio Scarpinetti)

O último dia de provas da segunda fase do Vestibular Unicamp 2022 foi dedicado ao exame de conhecimentos específicos, conforme a opção de curso dos candidatos. Eles também responderam a questões de matemática e perguntas interdisciplinares de Ciências Humanas e Ciências da Natureza. A abstenção do segundo dia foi de 13,5%. No total, 11.186 candidatos compareceram nesta segunda-feira, 107 a menos que no domingo. O índice está um pouco acima dos 8,8% registrados em 2021, mas dentro da média histórica de abstenção. As maiores porcentagens ocorreram novamente em Fortaleza, com 29,3%, e Belo Horizonte, com 23,6%. Na região de Campinas, o índice foi de 12,6%. 

Ainda nesta semana, entre os dias 13 e 15 de janeiro, serão aplicadas, em Campinas, as provas de habilidades específicas para os candidatos aos cursos de Arquitetura e Urbanismo, Artes Cênicas, Artes Visuais e Dança. Os locais de provas, horários e informações sobre os exames estão disponíveis no site da Comvest. As provas do curso de Música já foram realizadas em 2021.

Neste ano, a Unicamp ofereceu 2.540 vagas em 69 cursos de graduação. As provas foram aplicadas em 22 cidades do país. Segundo José Alves de Freitas Neto, diretor da Comvest,  já havia a expectativa  de aumento no índice de abstenção, considerando a recomendação passada aos candidatos de que não comparecessem caso apresentassem sintomas de Covid-19. "Foi uma operação realizada em um contexto difícil, de crise sanitária. Mas graças aos protocolos e obedecendo às determinações das autoridades sanitárias, conseguimos realizar a prova sem qualquer intercorrência. Foi um êxito realizar a prova no primeiro fim de semana do ano, logo após as festas, em um contexto de aumento de casos de Covid-19", analisa. 

foto mostra alunos subindo as rampas do campus da puc para as salas para fazer o vestibular
Índice de abstenção foi de 13,5%. Mais de 11 mil alunos compareceram ao segundo dia de provas do Vestibular 2022 (foto: Antonio Scarpinetti)

Interdisciplinaridade, problemas contemporâneos e Direitos Humanos

As provas do segundo dia tinham duas partes: a primeira, comum a todos os candidatos, era composta por seis questões de matemática, duas questões interdisciplinares de Ciências Humanas e duas interdisciplinares de Ciências da Natureza. Na segunda parte, candidatos aos cursos de Ciências Biológicas/Saúde responderam a seis questões de Biologia e seis de Química; os que optaram por Ciências Exatas/Tecnológicas tiveram seis questões de Física e seis que Química; candidatos de Ciências Humanas/Artes responderam a seis perguntas de Geografia e seis de História, englobando conhecimentos de Filosofia e Sociologia.

Freitas Neto comenta que todas as questões eram contextualizadas e dialogavam com grandes temas da realidade histórica e social do país. No caso das interdisciplinares, as questões de Ciências Humanas problematizavam o conceito de modernismo, a propósito dos cem anos da Semana de Arte Moderna de 1922. Já nas Ciências da Natureza, as questões abordavam o conceito de fusão para tratar do funcionamento das células e do comportamento da água. 

foto mostra candidatos aguardando para entrar nas salas de aula
Familiares acompanharam os candidatos nos locais de prova. Lista de primeira chamada será divulgada em 14 de fevereiro (foto: Antonio Scarpinetti)

O diretor também destaca uma questão sobre os Direitos Humanos. Nela, eram relacionados o Massacre do Carandiru, ocorrido em 1992, e a letra da música Haiti, de Caetano Veloso e Gilberto Gil. "A questão mostra a interseccionalidade existente nas violações dos Direitos Humanos. Os estudantes deveriam perceber que elas acontecem não apenas em ditaduras, mas também na própria democracia. O  Massacre do Carandiru é exemplar dessa violação dos Direitos Humanos tão cotidiana no país, tendo vitimado sobretudo pessoas pretas, como é referido na música", explica. 

A lista de aprovados em primeira chamada será divulgada em 14 de fevereiro. Os convocados devem efetuar a matrícula de forma online entre os dias 15 e 17 de fevereiro. Datas, links para matrículas e demais informações podem ser encontradas no site da Comvest

Confira depoimentos de alguns dos candidatos

foto mostra família de bianca pupo
Família de Letícia Pupo (de branco) acompanhou a jovem no primeiro dia de provas (foto: Antonio Scarpinetti)

"Pretendo cursar Medicina, estou prestando o vestibular como treineira para Ciência do Esporte para ter uma ideia da prova. Achei a primeira fase um pouco difícil, mas foi possível fazer a prova."

Bianca Pupo (16), de Americana, treineira

"Já faz um bom tempo que ela está decidida por Medicina, tanto que já cursa o Técnico em Enfermagem no Cotuca. Está empenhada, estuda todos os dias desde o segundo ano. Nossa expectativa é de que ela consiga."

Sérgio Pupo, pai da Bianca

foto mostra rafael menezes e camile silva
Rafael Menezes e Camile Silva estudaram juntos durante o Ensino Médio (foto: Antonio Scarpinetti)

"Prestei o vestibular no ano passado, cheguei a ir para a segunda fase, mas não passei. Neste ano achei a prova da primeira fase mais fácil, mas quem se dedicou conseguiu um bom resultado. Matemática é minha maior dificuldade, mas a expectativa é de passar."

Camile Borba Silva (18), de Sumaré, candidata à Fonoaudiologia

"A primeira fase foi bem equilibrada. Acho que a organização foi muito cuidadosa para evitar contaminação pelo coronavírus.Tanto no ano passado quanto neste ano os cuidados foram intensos."

Rafael Santos Menezes (19), de Campinas, candidato à Educação Física

foto mostra maria gabriela e luis gabriel
Maria Gabriela Alcântara prestou o vestibular pela primeira vez como treineira (foto: Antonio Scarpinetti)

"Achei bem mais tranquilo do que imaginava. É a primeira vez que presto como treineira, para Física. Ainda não decidi qual área seguir, mas acho um curso bem interessante"

Maria Gabriela Alcântara (16), de Monte Alegre do Sul, treineira

"A primeira fase foi tranquila, agora espero ir bem na segunda fase"

Luis Gabriel Romano (18), de Amparo, candidato à Educação Física

foto mostra letícia camponês e família
Letícia Camponês acompanhou as lives realizadas pela Comvest durante a preparação para as provas (foto: Antonio Scarpinetti)

"Escolhi a Unicamp por vários motivos. Um dos principais é o quão inclusivo é o vestibular. Há várias formas de ingressar na Universidade. Eu venho de escola pública, então existe o vestibular tradicional e a seleção pelo Enem. Também achei a equipe da Comvest incrível, acompanhei as lives e fiquei apaixonada."

Letícia Camponês (17), de Recife, candidata ao Curso 51

"Damos todo o apoio possível. Ela se interessou muito pela Unicamp, pesquisou as informações, fez a inscrição. Fazemos então nosso papel de dar o suporte para que ela conquiste esse sonho."

Sívia Brasil, mãe da Letícia

fotos mostram vitória do prado e kelly souza
Vitória do Prado (esquerda) e Kelly Souza (direita) são candidatas ao curso de Administração e se conheceram durante a prova (fotos: Antonio Scarpinetti)

"As propostas da redação foram bem interessantes. Fiquei surpresa, pois esperava um formato mais tradicional e um tema mais complexo. Vim para a prova com o parâmetro da proposta de redação do Enem. Esperava algo semelhante, mas fiquei surpreendida e gostei bastante."

Kelly da Silva Souza (17), de Hortolândia, candidata à Administração

"Eu me identifiquei muito com a primeira proposta, mas os dois temas são interessantes. Os textos motivacionais também eram bem abrangentes, e acho que muitos candidatos puderam se identificar."

Vitória do Prado (19), de Indaiatuba, candidata à Administração

foto mostra karine monteiro
Karine Monteiro acredita que os jovens devem ter confiança ao prestar o vestibular (foto: Antonio Scarpinetti)

"Acho que os jovens não podem desistir dos seus sonhos. Se a gente não persistir nunca vamos saber qual é o sabor da vitória. Eu passei na primeira fase e vou passar nessa segunda fase, então já estou comemorando a vitória!"

Karine Lima Monteiro (19), de Sumaré, candidata à Pedagogia

Leia mais:

Cortes de verbas para a ciência e exposição de crianças e adolescentes na internet foram temas da redação do Vestibular Unicamp 2022

Segunda fase do Vestibular Unicamp 2022 será realizada nos dias 9 e 10 de janeiro

 

ACESSE AO BANCO DE IMAGENS COM TODAS AS FOTOS DO VESTIBULAR. 

Imagem de capa

montagem de fotos mostra cenas da aplicação de provas do vestibular unicamp
Índice de abstenção ficou em 13,5%, com comparecimento de 11 mil estudantes. Provas de habilidades específicas ocorrem entre 13 e 15 de janeiro (fotos: Antonio Scarpinetti)