Taícia Fill, docente da Unicamp, recebeu prêmio Mulheres na Ciência 2019 na última quinta (10)

Reitoria recebe Taícia Fill, ganhadora do Prêmio Mulheres na Ciência
Reitoria da Unicamp recebe Taícia Fill, ganhadora do Prêmio Mulheres na Ciência

A professora do Instituto de Química (IQ) da Unicamp, Taícia Fill, recebeu, na noite de quinta-feira (10), o prêmio na Mulheres na Ciência 2019. Promovido pela L’Oréal Brasil em parceria com a Unesco e a Academia Brasileira de Ciências (ABC), o reconhecimento foi entregue a sete mulheres brasileiras. Taícia desenvolve pesquisa para a produção de fungicida natural visando o combate de doenças que acometem a produção brasileira de laranjas e foi recebida pela reitoria ontem (14) para falar sobre o estudo e sobre a premiação.

“Foi incrível o reconhecimento e acho que é importante porque acaba inspirando as outras mulheres, principalmente as mulheres que estão em início de carreira e têm um longo percurso pela frente. A gente sabe que não é fácil, que existem uma série de dificuldades, mas acho que é uma forma de incentivar as jovens professoras”, disse Taícia. Para ela, pesquisar uma alternativa ao uso de agrotóxicos, que são compostos prejudiciais à saúde e ao meio ambiente, é fundamental, até porque os organismos tornam-se resistentes aos agrotóxicos ao longo do tempo. 

A reitoria parabenizou a professora, ressaltando que o prêmio é relevante tanto para os pesquisadores como para a Universidade. “Ser reconhecido nacional e internacionalmente por meio desse tipo de premiação, em particular aqui a uma mulher cientista, é importante. Certamente é uma conquista para os pesquisadores e, sem dúvida, é uma alegria para a Unicamp”, afirmou o reitor Marcelo Knobel.

Imagem de capa

Taícia Fill
Taícia Fill premiada no 14º Mulheres na Ciência