IG receberá workshop internacional em parceria com a Cardiff University

Em julho de 2019 o Instituto de Geociências (IG) da Unicamp será sede de um workshop internacional em parceria com a Cardiff University, do Reino Unido. O objetivo é reunir docentes e pesquisadores paulistas e britânicos para debater um tema de relevância internacional atual e avaliar possíveis parcerias e interesses comuns que propiciem a criação de redes de pesquisa. O tema do workshop será “Ambiente e desenvolvimento: desafios compartilhados para o século 21”. O edital para participação será divulgado em breve e os interessados devem ficar atentos aos requisitos necessários.

Lindon Fonseca Matias, docente do IG, e Antonio Ioris, docente da Escola de Geografia e Planejamento da Cardiff, são os organizadores do evento que atende a um dos editais divulgados em 2017 pela Fapesp em parceria  com o NewtonFund, fundo de fomento do British Council para organização de workshops internacionais. O evento na Unicamp, que será em inglês, é direcionado para recém doutores e jovens pesquisadores que tenham como interesse agregar-se em grupos para realizar seus trabalhos. O workshop, portanto, não é aberto à participação de todos os interessados. “Aqueles que tenham esse perfil serão efetivamente convidados a participar de um edital e participarão de uma seleção com o objetivo de identificar candidatos com potenciais mais próximos à temática do evento e também com possibilidade de se integrar em redes internacionais de pesquisa”, destacou Lindon. Ainda segundo o docente, como é a Fapesp uma das instituições que fomenta o evento, é necessário que o interessado seja ligado a instituições paulistas.

O evento contará, também, além dos organizadores, com a participação de dois mentores brasileiros e dois britânicos que ministrarão palestras de acordo com suas especialidades. Leila da Costa Ferreira do Nepam/IFCH Unicamp, e Wagner Costa Ribeiro, do Departamento de Geografia da USP serão os mentores brasileiros. Por Cardiff, virão Sam Staddon, da Universidade de Edimburgo, na Escócia, e Graham Woodgate, da Univerdidade College, de Londres. Haverá também um convidado especial que ministrará uma conferência, mas o nome ainda não foi divulgado. Haverá seções de discussões nos quais os participantes irão apresentar seus interesses, suas pesquisas e áreas de atuação e seções com promoção de interesses comuns para a criação de uma possível rede internacional. Os participantes estrangeiros serão convidados a conhecer a Replan, que é um dos maiores pólos petroquímicos da América Latina; o laboratório Sirius; e algumas áreas de impactos ambientais na região de Campinas em trabalhos de campo, entre outros locais.

O número de vagas é delimitado a 17 para pesquisadores e docentes paulistas e 17 para britânicos, totalizando a participação de 40 pessoas no workshop – considerando organizadores e palestrantes. “Queremos contemplar o maior número possível de instituições”, disse Lindon.

Um dos prédios da Cardiff University
Um dos prédios da Cardiff University

Parceria entre Unicamp e Cardiff University

No dia 10 de dezembro representantes da Unicamp, incluindo o reitor Marcelo Knobel, irão à Cardiff University para assinatura de um termo de parceria estratégica. As duas instituições já vêm buscando uma maior aproximação. Nessa semana, a Unicamp recebeu uma comitiva da instituição britânica. Além do reitor, participaram da recepção à comitiva britânicas o pró-reitor de pesquisa Munir Salomão, o diretor executivo de relações internacionais (DERI) Mariano Laplane, e assessor da DERI, Rafael Dias. Ainda no primeiro semestre de 2018, a Unicamp recebeu professores de Cardiff num workshop (Unicamp e Universidade de Cardiff em busca de integração). Em meados desse ano houve também um workshop por lá. Outra comitiva já havia visitado a Unicamp em 2017, interessada em estabelecer uma cooperação mais concreta.

Unicamp recebe comitiva de Cardiff
Unicamp recebe comitiva de Cardiff

Além disso, o Instituto de Geociências vem estreitando relações com Cardiff nos últimos anos.  Além de Lindon, que passou por um estágio de pós doutoramento de um ano na Escola de Geografia e Planejamento de Cardiff, outros docentes estão lá nesse momento em curso de pós doutorado na Escola de Ciências da Terra. São eles: Wagner Amaral, Vinícius Meira e Carolina Moreto. Há conversas em andamento para que alunos de um curso de pós-graduação, criado recentemente na instituição britânica na área de ambiente e desenvolvimento, tenham atividades de campo no Brasil - a Unicamp será a instituição que receberá os estudantes. Em um curto prazo, deve ocorrer também a vinda de professores ligados ao projeto de internacionalização Capes/PrInt, que é um projeto para fortalecer parcerias com instituições internacionais de ensino e pesquisa.

O docente Lindon Matias durante seu pós doutorado na instituição britânica
O docente Lindon Matias durante seu pós doutorado na instituição britânica

 

Imagem de capa

Um dos prédios da Cardiff University
Um dos prédios da Cardiff University