Licio Velloso é um dos convidados da estreia do programa de TV produzido pela Fapesp e Folha

Agência Fapesp – O índice de brasileiros obesos aumentou 60% nos últimos 10 anos, segundo dados do Ministério da Saúde, e com ele cresceram os casos de diabetes, doenças cardiovasculares e demais problemas de saúde relacionados ao sobrepeso. Alguns dos principais pesquisadores e especialistas interessados em compreender os aspectos culturais e biológicos por trás desse fenômeno estarão reunidos na sede da FAPESP, no dia 3 de abril, durante a estreia do programa de TV Ciência Aberta – uma parceria da Fundação com o jornal Folha de S.Paulo.

Veja coimo foi o primeiro programa: Epidemia de obesidade é resultado de alteração do padrão alimentar

O programa mensal será realizado no auditório da FAPESP e exibido ao vivo pela TV Folha, pelo site da FAPESP e pela página da Agência FAPESP no Facebook. Uma versão editada estará disponível nos sites da TV Folha e da Agência FAPESP.

No programa de estreia os convidados serão os pesquisadores Licio Velloso, da Unicamp, e Carlos Augusto Monteiro, da Universidade de São Paulo, e a nutricionista Sophie Deram.

Velloso, coordenador do Centro de Pesquisa em Obesidade e Comorbidades – um Centro de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPID) financiado pela FAPESP –, abordará o tema da obesidade e doenças relacionadas sob o ponto de vista médico e falará sobre quanto a ciência tem avançado no tratamento e na compreensão das causas do problema.

Monteiro, professor da Faculdade de Saúde Pública da USP e coordenador da edição mais recente do Guia alimentar para a população brasileira, abordará a ideia de que a crescente obesidade mundial é, em parte, consequência do consumo de alimentos ultraprocessados.

Deram, especialista em comportamento alimentar e doutora pela Faculdade de Medicina da USP, falará sobre como inspirar indivíduos a viver uma vida mais feliz e mais saudável mudando seu mundo familiar.

A mediação será feita pela jornalista Sabine Righetti, especialista em jornalismo científico pela Unicamp, com mestrado e doutorado em política científica e tecnológica pela mesma instituição.

O programa terá duração de 1h30 e será dividido em cinco blocos. Os espectadores poderão enviar perguntas pela página da Agência FAPESP no Facebook. Questões selecionadas serão respondidas pelos debatedores.

Outros especialistas convidados participarão por meio de entrevistas gravadas, entre eles Denise Bernuzzi Sant’anna, professora de História da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e estudiosa da imagem do gordo na sociedade.

O primeiro episódio de Ciência Aberta será transmitido no dia 3 de abril, a partir das 15 horas, pelo site da FAPESP (www.fapesp.br), pela página da Agência FAPESP no Facebook (www.facebook.com/agfapesp) e pelo site da TV Folha (www1.folha.uol.com.br/tv).

Público ampliado
O programa de TV Ciência Aberta abordará grandes temas em discussão na atualidade, mostrando que a ciência está perto da sociedade e contribui para dar respostas aos seus problemas e desafios.

Com um cenário moderno, dinâmico e ambiente descontraído, a proposta é apresentar ao público os temas em uma linguagem simples e ágil para estimular a participação de jovens pesquisadores, estudantes e público interessado – levando ao conhecimento da sociedade as pesquisas apoiadas pela FAPESP, bem como o intercâmbio e a divulgação da ciência produzida no Estado de São Paulo e no Brasil.

“Com o programa, esperamos responder à inquietação de que o que os cientistas fazem é incompreensível e mostrar que não só é compreensível como pode beneficiar as pessoas. A série será uma maneira de os cientistas se comunicarem mais com a sociedade”, disse José Goldemberg, presidente da FAPESP.

A produção conjunta do programa Ciência Aberta faz parte de um acordo entre a FAPESP e a Folha de S.Paulo, que prevê ainda a publicação de reportagens da Agência FAPESP, em português, inglês e espanhol, nas edições impressas e on-line da Folha.

 

Imagem de capa

Licio Augusto no Fapesp Week Nebraska and Texas
Licio Augusto no Fapesp Week Nebraska and Texas