Estado firma convênio com a Unicamp para gestão do novo Hospital Regional de Piracicaba

Governador Geraldo Alckmin assina convênio para que a Unicamp administre Hospital Regional de Piracicaba
Governador Geraldo Alckmin assina convênio para que a Unicamp administre Hospital Regional de Piracicaba

O governador Geraldo Alckmin assinou na tarde desta sexta-feira, 24, no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo, convênio de gestão do novo Hospital Regional de Piracicaba. O serviço oferecerá atendimento em média e alta complexidade para toda a região de Piracicaba, e será gerenciado pela Unicamp. O reitor da Unicamp, professor Marcelo Knobel, participou da cerimônia.

"É para a Unicamp uma alegria, uma satisfação, poder colaborar com o Governo do Estado nesse importante projeto para a cidade de Piracicaba, para a região e tenho certeza que a gente vai trabalhar firme para logo termos um hospital-referência em toda a região, com a marca Unicamp", disse o reitor Marcelo Knobel, ao final da celebração do contrato.
 

Marcelo Knobel, reitor da Unicamp: "trabalhar firme para logo termos um hospital-referência em toda a região, com a marca Unicamp"
Marcelo Knobel, reitor da Unicamp: "trabalhar firme para logo termos um hospital-referência em toda a região, com a marca Unicamp"


O investimento total do Governo do Estado é de aproximadamente R$ 32 milhões, considerando recursos já empregados em obras e destinados à compra de equipamentos e mobiliário, que estão em fase de aquisição. O hospital será custeado integralmente com recursos do tesouro estadual, e receberá R$ 35,8 milhões de custeio no seu primeiro ano de funcionamento.

A inauguração do Regional de Piracicaba está prevista para março de 2018 e sua ativação será gradativa, como todo novo serviço de saúde. A estrutura completa abrange 138 leitos, dos quais 84 de internação, 20 de UTI Adulto, 27 de cuidados mínimos, 7 de Hospital-Dia, além de 10 salas cirúrgicas e o centro de diagnóstico por imagem. A área total construída é superior a 18,7 mil metros quadrados. Inicialmente, entrarão em funcionamento 60 leitos -  30 cirúrgicos, 20 clínicos e 10 de UTI adulta - e quatro salas cirúrgicas, e os atendimento ambulatoriais.

Em 2018, a estimativa é que o Hospital realize mais de 18,6 mil consultas ambulatoriais médicas, e não médicas, 11,7 mil exames, 3,3 mil cirurgias e 2 mil internações. O pronto-socorro será referenciado, com uma previsão de aproximadamente 300 atendimentos a urgências para intercorrência de pacientes atendidos previamente pelo serviço.

O Hospital Regional de Piracicaba será referência em média e alta complexidade para os 26 municípios da região do Departamento Regional de Saúde (DRS) de Piracicaba. Ofertará dez especialidades médicas em caráter ambulatorial: Ortopedia/Traumatologia, Oftalmologia, Otorrinolaringologia, Anestesiologia, Buco-Maxilo, e Clínica Médica Cirurgia Geral. Além disso, disponibilizará consultas em especialidade não médicas, nas áreas de Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Nutrição, Psicologia e Terapia Ocupacional.

"Esse convênio com a Unicamp assegura qualidade e experiência na gestão do Hospital Regional de Piracicaba, um novo serviço que ampliará o atendimento SUS na região", destaca o Secretário de Saúde de São Paulo, David Uip. O convênio tem vigência inicial de cinco anos, com possibilidade de renocação.

O Hospital Regional de Piracicaba está localizado na Avenida Antônio Elias, s/n, Jardim São Francisco.

Imagem de capa

Autoridades em pé batendo palmas, bandeiras hasteadas, do lado direito bandeira do estado de São Paulo, do lado esquerdo bandeira do Brasil, ao fundo em parede de madeira com o brasão do estado de São Paulo
Convênio foi assinado pelo governado Geraldo Alckmin no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo