CIS-Guanabara sedia ensaio de Kyudô, antiga arte marcial japonesa

Evento reúne atletas brasileiros visando a Copa do Mundo do Japão
Evento reúne atletas brasileiros visando a Copa do Mundo do Japão

A Associação Brasileira de Kyudô promove no dia 24 de fevereiro, no CIS Guanabara, uma atividade esportiva pouco conhecida pelos brasileiros. Trata-se do ensaio de Kyudô, prática esportiva do tiro com arco japonês, considerada uma das artes marciais mais antigas do Japão. O evento contará com a presença da autoridade técnica do professor Koji Okabe e servirá de preparo para a equipe brasileira que pretende participar da 3ª Copa do Mundo de Kyudô que ocorrerá em abril desse ano em Tóquio, no Japão.

Segundo o professor Lucas Lins, responsável pela equipe campineira de Kyudô, o treino contará com a presença de aproximadamente 20 atletas de São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná e Bahia. A equipe de Campinas conta com oito atletas (categorias masculino e feminino) com idades que variam de 11 a 65 anos. Ele explica que, historicamente, o arco e a flecha deixaram de ser utilizados em batalhas, tornando-se uma atividade facultativa de cultivo do corpo e da concentração mental. A prática consiste nos princípios de tiro (shahō) e de movimentação (taihai) divulgados pela ANKF (All Nihon Kyudo Federation). A apresentação no CIS é aberta ao público e ocorre em dois períodos: das 09h00 às 12h00 e das 14h00 às 18 horas.