Riqueza precisa ser mais tributada, avalia economista Luiz Gonzaga Belluzzo

A crise econômica no Brasil não é de agora, mas se agravou durante a pandemia do novo coronavírus. Dados da Ong Oxfam, no entanto, mostram que os bilionários no país enriqueceram nesse período. Ao mesmo tempo, um grande contingente de pessoas entrou na extrema miséria e no desemprego.

Para o economista e professor aposentado do Instituto de Economia da Unicamp Luiz Gonzaga Belluzzo, entrevistado desta edição do Direto na Fonte, o aprofundamento das desigualdades no país tem relação com as insuficientes políticas de renda para a população mais fragilizada. Ele também comenta a dificuldade do estabelecimento de políticas mais efetivas de tributação dos grandes lucros, que envolve, por exemplo, estratégias de fuga das grandes empresas para paraísos fiscais. Além disso, no âmbito da política econômica, avalia que as medidas de austeridade são um desastre para a economia e para a população, embora sejam uma receita recorrente de diversos governos durante as crises.

Escute também o podcast, com versão estendida da entrevista.