Empresas-filhas da Unicamp faturaram juntas R$ 19,3 bilhões em 2022

Edição de imagem

As empresas-filhas da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) alcançaram juntas o faturamento anual de R$ 19,3 bilhões, o que representa um aumento de 20,6% em relação ao ano de 2021. O aumento veio acompanhado da ampliação de 14,5% no número de empregos diretos oferecidos pelas 1.061 empresas-filhas ativas no mercado, indo de 38.315 para 44.624 empregos.

Esses são dados da Agência de Inovação Inova Unicamp, que acaba de lançar para download, em seu site, o Relatório de Empresas-filhas da Unicamp de 2022. O documento reúne análises e resultados consolidados do mapeamento anual que a Inova realiza a fim de conhecer e mensurar o impacto gerado pelos empreendimentos cujos sócios fundadores são alunos, ex-alunos, docentes ou funcionários de toda a Universidade, conforme explica a professora Ana Frattini, diretora-executiva da Agência.

“O mapeamento das empresas-filhas da Unicamp de 2022 nos trouxe excelentes notícias sobre o ecossistema de inovação e empreendedorismo da Unicamp, como a progressão na geração de emprego e renda por empreendimentos que surgiram da nossa comunidade. São empreendedores que passaram pela Unicamp e hoje levam o conhecimento adquirido em sua formação acadêmica e profissional para as empresas que lideram”, comemora Frattini.

A diretora da Inova, Ana Frattini e o diretor associado Renato Lopes:
A diretora-executiva da Inova, Ana Frattini e o diretor-executivo associado, Renato Lopes: maior parte do aumento no número de empreendimentos do ecossistema consiste em micro- ou pequenos negócios próximos da Universidade

Ao todo, a Inova já mapeou 1.293 empresas do ecossistema empreendedor da Unicamp. Na comparação com o ano anterior, destaca-se um aumento de 162 novas empresas cadastradas. Das novas empresas cadastradas, a maioria foi fundada nos últimos três anos e juntas somam um faturamento de R$ 148,8 milhões, com a geração de 1.092 empregos diretos.

Segundo a diretora-executiva da Inova, a maior parte do aumento no número de empreendimentos do ecossistema consiste em micro- ou pequenos negócios próximos da Universidade. Por outro lado, o destaque no aumento de empregos e renda veio das empresas de grande porte, com faturamento na faixa de mais de 300 milhões de reais.

Uma dessas empresas de grande porte é o Grupo Safira, que atua no setor de energia e desde 2020 fatura mais de R$ 1 bilhão. O Grupo está no mercado há 14 anos e foi fundado pelos ex-alunos Mikio Kawai Júnior, mestre em Economia pelo Instituto de Economia (IE) da Unicamp e doutor em Engenharia Civil pela Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo (FECFAU) da Unicamp, e Marcelo Davanzo, bacharel em Economia pelo IE Unicamp.

A empresa-filha vem escalonando seu negócio com foco em energias renováveis, especialmente energia solar, além de integrar programas em parceria com startups a fim de promover a inovação aberta na empresa, para o desenvolvimento de novas soluções no setor. Segundo os fundadores, esse gradativo crescimento da empresa está afetando positivamente seu faturamento.

“Temos um crescimento consistente e gradual desde 2008. Mesmo com a pandemia da covid-19, vimos a empresa crescer e alcançar, em 2020, um faturamento superior a R$ 1 bilhão. E a Unicamp foi um marco importante na nossa história, tanto pela formação que me ofereceu quanto pelos contatos para recrutar talentos da Universidade para trabalharem no Grupo Safira”, comenta Kawai Júnior.

Hoje, a empresa-filha tem sede em Barueri, São Paulo, e outras três unidades de serviço que englobam o mercado brasileiro e chileno. Ela emprega diretamente 120 pessoas e investe em iniciativas de ASG (Ambiental, Social e Governança), com atividades que visam causar impacto na economia familiar, geração de empregos em regiões carentes e responsabilidade ambiental com a geração de energia limpa. 

Houve aumento no número de empresas-filhas instaladas no Parque Científico e Tecnológico da Unicamp que firmaram convênios com a Universidade
Houve aumento no número de empresas-filhas instaladas no Parque Científico e Tecnológico da Unicamp que firmaram convênios com a Universidade

Maioria das sedes das empresas-filhas estão próximas à Unicamp

Assim como o Grupo Safira, 20% das empresas-filhas da Unicamp destacaram expandir seus negócios internacionalmente, seja exportando (33,6%) ou com escritório no exterior (17,51%) ou com outro tipo de atuação.

O professor Renato Lopes, diretor-executivo associado da Inova, comenta que a internacionalização demonstra a maturidade do ecossistema empreendedor da Unicamp, com empresas que vêm se consolidando em diversos nichos de mercado. Mas, mesmo com essa expansão, a maioria delas ainda opta por permanecer ou manter suas matrizes perto da Unicamp.

Ao todo, 91,6% estão sediadas no Estado de São Paulo e destas 45,4% estão na cidade de Campinas, onde se localiza o principal campus da Unicamp. Outras 10,6% mantém suas matrizes nas demais cidades da Região Metropolitana de Campinas (RMC), que inclui Paulínia, onde fica o Centro Pluridisciplinar de Pesquisas Químicas, Biológicas e Agrícolas (CPQBA) da Unicamp e 3,4% registram sedes na recém-criada Região Metropolitana de Piracicaba (RMP), onde estão localizados os campi de Piracicaba e Limeira da Unicamp.

De acordo com o diretor-executivo associado da Inova, essa aproximação com a Unicamp é benéfica tanto para a Região, gerando renda e empregos, quanto para a Unicamp e para as empresas-filhas, especialmente as de base tecnológica:

“A concentração das empresas-filhas próximas aos campi da Universidade também contribui para a continuidade da interação dos ex-alunos e de seus negócios com a Unicamp. A contratação de alunos e os projetos de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) são as vantagens mais mencionadas pelas empresas-filhas para sua interação com a Unicamp”, avalia Lopes.

A pesquisa colaborativa com a Unicamp foi destacada por 19% das empresas do ecossistema neste ano. O número representa um leve aumento em relação ao período anterior, quando 14% declararam parceria em P&D com a Unicamp, e está associado ao aumento no número de empresas-filhas instaladas no Parque Científico e Tecnológico da Unicamp que firmaram convênios com a Universidade.

Uma dessas empresas é a MatchIT, fundada em 2021 e que está, desde o início, dentro do Parque Científico e Tecnológico da Unicamp com o objetivo de se aproximar da comunidade para executar um convênio de pesquisa com a Unicamp. A startup fornece uma plataforma inteligente para conectar equipes especializadas em serviços de Tecnologia da Informação (TI) com os desafios de outras empresas.

Para aperfeiçoar a plataforma, a startup conta com investimento anjo, investimento privado e financiamento do programa de fomento Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (PIPE FAPESP), além de uma parceria em P&D com o Instituto de Computação (IC) da Unicamp. Ambos os convênios foram aprovados em julho de 2022.

“O financiamento do PIPE FAPESP chancela a qualidade do nosso trabalho, ao trazer a assinatura da FAPESP e seu prestígio. Já o convênio com o IC Unicamp – que tem mediação da Inova – nos dá acesso ao RECOD.AI, laboratório que representa a vanguarda em Inteligência Artificial na América Latina”, afirma a ex-aluna da Faculdade de Engenharia de Alimentos (FEA) da Unicamp Rose Ramos, CEO e cofundadora da MatchIT. 

Mais dados no Relatório de Empresas-filhas da Unicamp de 2022

Esses são alguns dos dados e empresas-filhas destacados no Relatório de Empresas-filhas da Unicamp deste ano. O Relatório reúne os principais dados gerados pelo mapeamento anual realizado pela Agência de Inovação Inova Unicamp.

É possível se aprofundar nesses dados e acessar outros resultados como investimento, internacionalização e relacionamento com outras empresas-filhas e a Unicamp no Relatório completo, disponível para download em formato ebook.  

Sobre a Inova Unicamp

A Inova Unicamp é o Núcleo de Inovação Tecnológica (NIT) da Universidade e atende a todos os campi. A Agência de Inovação da Unicamp foi criada em 2003, com o objetivo de identificar oportunidades e promover atividades que estimulam a inovação e o empreendedorismo, ampliando o impacto do ensino, da pesquisa e da extensão em favor do desenvolvimento socioeconômico sustentado.

A Agência apoia a comunidade na proteção da propriedade intelectual da Unicamp, na transferência de tecnologia, na consolidação de convênios de Pesquisa e Desenvolvimento com o setor empresarial e no fomento ao empreendedorismo com sua incubadora e seus programas de relacionamento institucional e de capacitação.

Saiba mais

Leia mais:

59,4% das empresas-filhas da Unicamp estão próximas da Universidade

Empresas-filhas da Unicamp faturaram juntas R$ 19,3 bilhões em 2022

Confira como foi o Encontro Unicamp Ventures 2022; com fotos e vídeo

Imagem de capa
Audiodescrição: imagem colorida com fundo com tons de verde e o a informação 19,3 BI.

twitter_icofacebook_ico

Atualidades

Obra reúne acervo de Rogério Cerqueira Leite; edição estará disponível para venda em breve nos sites das editoras

O papel do rap e da educação na busca pela superação do racismo e da violência foi um dos temas debatidos

Foram aprovados os itens: “Prêmio Tese Destaque", a prorrogação da licença paternidade para servidores e recursos adicionais para o desenvolvimento de dois projetos no âmbito do Plano Plurianual de Investimentos (PPI)

Cultura & Sociedade

Fruto de parceria com jovens indígenas do país, obra “Still I Rise” traz relatos de experiências de impacto para o empoderamento de povos originários

O Instituto de Geociências recebeu 175 finalistas, distribuídos em 58 equipes; a Olimpíada Brasileira de Geografia e a Olimpíada Brasileira de Ciências da Terra contemplou 17 estudantes cada uma