Hospital Regional é pauta de encontro entre reitor e deputado estadual

O reitor da Unicamp, Antonio José de Almeida Meirelles, e a coordenadora-geral da universidade, Maria Luiza Moretti, receberam na manhã desta segunda-feira (9/5), no Salão do Gabinete, o deputado estadual Barros Munhoz (PSDB). O deputado se colocou à disposição para trabalhar em favor da proposta de construção do hospital regional. 

O projeto prevê uma atuação além da RMC (Região Metropolitana de Campinas), hoje composta por 20 municípios
O projeto prevê uma atuação além da RMC (Região Metropolitana de Campinas), hoje composta por 20 municípios

Pelo projeto, a Unicamp cederia uma área do campus de Barão Geraldo para a construção do hospital, que teria a capacidade para 400 leitos em atendimentos de alta complexidade. Estudos preliminares apontam investimentos na ordem de R$ 320 milhões para a obra e de R$ 300 milhões para o custeio anual.

O projeto prevê uma atuação além da RMC (Região Metropolitana de Campinas), hoje composta por 20 municípios. A ideia é que ele abranja 124 cidades, contemplando três Diretorias Regionais de Saúde, as DRS  7, 10 e 14. 

"Estou à disposição para contribuir com essa tarefa de grande importância para a região de Campinas", disse o deputado. "Tenho permanente débito com a Unicamp", completou.

Barros Munhoz mencionou ainda sua luta pelo fortalecimento da Associação dos Municípios, que, segundo ele, pode  ampliar a capacidade de influência da região no cenário estadual.

O deputado se colocou à disposição para trabalhar em favor da proposta de construção do hospital regional
O deputado se colocou à disposição para trabalhar em favor da proposta de construção do hospital regional

O reitor ressaltou a forte relação que a Unicamp tem estabelecido com a região metropolitana de Campinas, mas avalia que a interação pode ser maior. "Nosso objetivo é fazer com que tudo o que a universidade produza seja voltado para fora", disse. "Precisamos mostrar às pessoas que a ciência pode solucionar problemas da sociedade", acrescentou.

Também participaram do encontro o diretor Executivo da Área da Saúde da Unicamp, Oswaldo Grassiotto, a professora Ângela Bacha, assessora docente da Deas,  e o professor José Roberto de Souza, Chefe da Cardiologia do Hospital das Clínicas da Unicamp.