Fernando Coelho fala sobre suas expectativas à frente da Pró-reitoria de Extensão e Cultura

Fazer da Pró-reitoria de Extensão e Cultura (Proec) a vitrine da Unicamp, é o objetivo de Fernando Coelho, que assumiu em abril seu comando para o quadriênio (2021-2024). O professor do Instituto de Química (IQ), na Unicamp desde 1987, concedeu entrevista à equipe da Diretoria de Comunicação (DCom) da Proec para se apresentar à comunidade e contar os seus planos como Pró-reitor de extensão e cultura da Universidade.

"O objetivo de nossa gestão é aumentar ainda mais essas interações que a comunidade faz dentro da Universidade, levar a universidade a todas as partes da região metropolitana de Campinas e sobretudo levar a universidade para outros pontos do país", disse o pró-reitor. Para ele, a extensão tem papel importante na geração de conhecimento e políticas públicas, que possam ajudar a desenvolver o país e diminuir a mazela da população.

Coelho citou a curricularização da extensão como uma das prioridades da sua gestão. De acordo com ele, esse processo visa incorporar as atividades de extensão em todos os cursos da universidade. Citou como exemplo o trabalho desenvolvido pelas incubadoras de base tecnológica, como a Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares (ITCP) da Unicamp. "É através desse tipo de incubadora que a gente pode auxiliar todos os programas de economia solidária", explicou.

O pró-reitor garantiu a continuidade dos programas e editais em desenvolvimento, apontando-os como fundamentais para garantir a participação da extensão em todos os aspectos da vida acadêmica. "São esses programas que permitem que a Universidade esteja presente na comunidade e nosso objetivo é fazer com que essa presença seja aumentada de forma bastante significativa", enfatizou.

Coelho sinalizou ainda uma possível aproximação entre as atividades de extensão e as atividades esportivas. "Talvez seja uma coisa que permita que a universidade possa se expandir ainda mais, principalmente em direção a toda comunidade de Campinas, sobretudo as mais carentes", afirmou.

Matéria original publicada no site da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (Proec).

Assista a entrevista completa em vídeo:

Imagem de capa

A curricularização da extensão será uma das prioridades da sua gestão
A curricularização da extensão será uma das prioridades da sua gestão