Atlética de Biologia realiza campanha para ajudar faxineiras de Barão Geraldo

A pandemia do coronavírus deixou muitas pessoas sem sua fonte de renda. Com as faxineiras que trabalham em Barão Geraldo, na cidade de Campinas, não foi diferente. Muitos estudantes voltaram para suas cidades, esvaziando as repúblicas estudantis e limitando as possibilidades de trabalho de muitas faxineiras. Para contribuir com as famílias dessas profissionais, a Associação Atlética Biologia Unicamp (AABU) está realizando uma campanha de arrecadação para a compra de cestas básicas. Além dos alimentos, são doados também kits de higiene com máscaras e um panfleto informativo sobre o coronavírus. 

A iniciativa teve início em junho, quando essa realidade começou a chamar a atenção da diretoria de projetos sociais da AABU. "Nós percebemos que a maioria dos alunos que mora em Barão Geraldo não estão por aqui, as casas estão vazias, então as faxineiras que limpavam essas casas não estão sendo chamadas. Algumas repúblicas continuaram mantendo os pagamentos, mas não são todas, então as faxineiras estão sem esse trabalho", explica Isabella Spinella, aluna do quarto ano de Biologia e membro da diretoria de projetos sociais. 

"A gente se perguntava como chegar nessas faxineiras, mas muitas vezes uma pessoa falava de outra que também precisava de ajuda, isso aconteceu bastante. Então recebemos muitos pedidos de ajuda, a partir do momento que anunciamos 'estamos ajudando', várias pessoas vieram até nós", lembra Laura Barbon, também estudante de Biologia e membro da diretoria de projetos sociais. Segundo as alunas, até agora 20 famílias já foram beneficiadas com as arrecadações. Cada uma recebeu uma cesta básica, um kit de higiene pessoal que incluía máscaras e também um panfleto informativo com orientações de como combater o coronavírus. O conteúdo foi produzido pelo Projeto Mandakaru, grupo ligado ao IB que trabalha com divulgação científica. 

imagem mostra panfleto elaborado pelo projeto mandakaru
imagem mostra panfleto elaborado pelo projeto mandakaru
Panfleto elaborado pelo Projeto Mandakaru traz informações importantes sobre o coronavírus 

O objetivo é realizar uma última fase da campanha ainda em 2020 e, para isso, a AABU conta com a colaboração de todos os interessados. As doações podem ser feitas por transferência bancária, pagamento pelo site Vakinha ou ainda por QR Code. Todas as informações estão disponíveis na página da Atlética no Facebook

Com a realização da campanha, as estudantes acreditam que será possível avaliar novas formas de ação social que possam ser empreendidas pela AABU. Segundo Isabella, a pandemia despertou no grupo o desejo de fortalecer a vertente social do grupo. "Foi o primeiro trabalho que realmente todos nos mobilizamos para organizar. Já chegamos a fazer arrecadação de lacres de latinhas, já fizemos uma campanha do agasalho em 2018 que deu muito certo. Fora isso, por sermos uma atlética, acabamos não dando muito foco para essa diretoria, mas acho que esse ano mostrou que a gente pode e deve focar também nisso", analisa a estudante. 
 

Imagem de capa

foto mostra kit doado às famílias, com cesta básica, itens de higiene, máscara e panfleto informativo
Doações incluem cesta básica, kit de higiene e panfleto informativo sobre o coronavírus