Treinamento por meio de videoaulas será obrigatório para retorno presencial

Dentro das estratégias de retorno parcial e gradual às atividades presenciais da Unicamp, a realização de cursos, através de videoaulas de treinamento, serão obrigatórias. Nos vídeos, são informados os protocolos de segurança adotados pela Universidade. Serão cinco aulas básicas, que todos devem assistir, e outras aulas específicas, desenvolvidas de acordo com as especificidades da atividade desenvolvida na Unicamp.

Os treinamentos são disponibilizados pela Escola de Educação Corporativa da Unicamp (Educorp), e podem ser acessados diretamente na Plataforma Moodle ou na página da Educorp. No site, o membro da comunidade acadêmica vai encontrar seção de perguntas e respostas e os botões que o direcionam para a plataforma.

Os vídeos têm em média 10 minutos cada e dizem respeito, por exemplo, à circulação nos campi, ao funcionamento dos restaurantes universitários e ao plano de vigilância epidemiológica. A diretora executiva da Educorp, Monica Rovigati, explica que a indicação, neste primeiro momento momento, é que só façam os cursos os servidores que irão retornar às atividades presenciais no dia 19 de outubro. Para essas pessoas, recomenda-se que realizem as videoaulas entre 9 e 16 de outubro. 

audiodescrição:
Na página da Educorp, acesse as videoaulas conforme a sua categoria

“O sistema já está aberto mas a recomendação é que no momento só faça o treinamento quem vai retornar no dia 19 de outubro, devido ao cuidado de não sobrecarregar a plataforma. Pedimos que as pessoas façam os treinamentos no período de 10 dias que antecedem o seu retorno”, pontua.

Além deles, indica-se que funcionários e docentes que não deixaram de trabalhar presencialmente na Universidade, como os do setor de saúde, também realizem as aulas neste primeiro momento.

Terminando de assistir aos vídeos, um termo de responsabilidade relativo à ciência dos protocolos deverá ser assinado. Os registros da realização do curso, para servidores, constarão no sistema Vida Funcional. Para alunos, estarão no Sistema de Gestão Acadêmica (SIGA).

Caso o membro da comunidade acadêmica não realize as aulas, não será permitido voltar. Caberá ao setor de Recursos Humanos (RH) e Gestão de Pessoas da sua unidade definir o encaminhamento. “Os RHs locais dos servidores vão fazer a gestão e o acompanhamento e monitoramento do treinamento, sob a orientação também da divisão de saúde ocupacional da DGRH, de modo que não retorne quem não fez o treinamento”, explica Monica.

audiodescrição: fotografia colorida da coordenadora da Educorp, MOnica Rovigati
Monica Rovigati, diretora executiva da Educorp

Para a coordenadora da Educorp, é importante que todos se conscientizem da importância das aulas, mesmo que acreditem já saber os protocolos, pois o sucesso do retorno parcial e gradual depende da adesão total às regras de segurança. “Retornando ao campus e o campus ficando mais povoado, é importante dar um passo atrás, assistir, relembrar os protocolos. Os protocolos estão rígidos na Universidade e é importante que a gente cumpra, até porque algumas das normas são específicas da Unicamp”, avalia.  

Educorp disponibiliza computadores e orientação

O acesso às videoaulas é simples. No entanto, pensando em pessoas que não tenham o domínio das ferramentas ou que tenham dificuldade de acesso a computador e internet, a Educorp está disponibilizando computadores e orientação. O laboratório de informática está aberto das 10h às 16h. Monica também recomenda que, caso seja possível, os RHs de cada unidade também devem reservar um espaço e equipamento para viabilizar os treinamentos. 

Imagem de capa

audiodescrição: logo da unicamp com fundo azul e abaixo esta escrito "convívio seguro"
Videoaulas para convívio seguro serão obrigatórias a todos