Unicamp decreta luto em memória das 100 mil vítimas do coronavírus

A Unicamp decretou nesta segunda-feira (10) luto oficial de três dias em memória das mais e 100 mil mortes causadas pela Covid-19 no Brasil. Os dias de luto têm início no dia 10 de agosto e a portaria entra em vigor a partir da data de sua publicação.

A triste marca foi alcançada no sábado (8), quando o Ministério da Saúde confirmou 905 novos casos de morte pela Covid-19 no país, chegando ao total de 100.477 mortes. O primeiro caso de morte pela doença foi registrado em 12 de março, um dia após a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarar situação de pandemia de coronavírus.

De acordo com Marcelo Knobel, reitor da Unicamp, a situação vivida pelo país que motiva a publicação da portaria é dramática e inaceitável. "Como universidade pública estamos fazendo todos os esforços possíveis para combater a pandemia, e não podemos deixar que esta número tão impressionante de mortos seja considerado normal. Solidariedade da Universidade a todos os que estão sofrendo muito neste momento, e principalmente às famílias das vítimas", comentou Knobel.


 

Portaria GR nº. 71/2020, de 10/08/2020.

Reitor: Marcelo Knobel




 

Decreta luto oficial em memória das 100 mil vítimas da Covid-19.



 

O Reitor da Universidade Estadual de Campinas, no uso de suas atribuições legais, baixa a seguinte PORTARIA:        

 

Artigo 1º - Fica decretado luto oficial por 03 (três) dias, a partir de 10 de agosto de 2020, em memória das mais de 100 mil mortes causadas pela Covid19 em todo país.

 

Artigo 2º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação.





 

Marcelo Knobel

Reitor

 











 

Publicada no D.O.E. em _____/_____/2020. Pág. _____.


 

Imagem de capa

foto mostra velas acesas e uma máscara de proteção em uma mesa, simbolizando luto pelas mortes
"Não podemos deixar que este número seja considerado normal", declarou o reitor Marcelo Knobel