Marcelo Knobel discute ciência e pseudociência

auditorio lotado

Mais de 250 curiosos dedicaram o início da noite da última sexta-feira (6) ao debate sobre ciência e pseudociência, com o reitor da Unicamp Marcelo Knobel, lotando dois auditórios do Ciclo Básico da Universidade. O evento inaugurou o programa Física para Curiosos, organizado pelo Instituto de Física “Gleb Wataghin” (IFGW). O sucesso de público sinaliza a atualidade do tema e a demanda por espaços abertos para discutir ciência com a sociedade, que é a proposta do programa conforme apontou o diretor do Instituto, Pascoal José Giglio Pagliuso. “A ideia é promover conversas sobre física com quem tem curiosidade para entender como o mundo e a natureza funcionam, mas não tem as ferramentas matemáticas e conceituais da academia”.

Para o reitor, que é docente do IFGW e pesquisador colaborador do Laboratório de Estudos Avançados em Jornalismo (Labjor), onde orienta mestrados na área de divulgação de ciência e percepção pública da ciência, o fundamental é desenvolver o pensamento crítico. “É importante ser crítico às informações que chegam até nós e avaliar se são reais, se podem ser verdadeiras e se são cientificamente comprovadas."

reitor fala

Durante a palestra, Knobel destacou algumas características da pseudociência, como a linguagem rebuscada, cálculos e gráficos, que lhe dão aparência de ciência, sem as devidas comprovações experimentais e a rigidez metodológica. “Fazer boa ciência é um trabalho árduo. Para responder questões fundamentais utilizamos um método que está sendo desenvolvido há muitos anos e funciona bem: o método científico.” O reitor ressaltou ainda que a disseminação da pseudociência pode minar a credibilidade científica, historicamente conquistada.

Próximas palestras
O programa Física para Curiosos é uma iniciativa dos professores Flávia Sobreira, Bruce Sánchez e Orlando Peres, do IFGW. O objetivo é apresentar temas atuais em Física para a sociedade.

Os encontros acontecerão toda primeira sexta-feira do mês (com exceção do mês de junho, que é feriado), sempre às 19 horas, na sala CB 18, do Ciclo Básico da Unicamp. O evento é gratuito e aberto. A próxima palestra, no dia 4 de maio, será ministrada pelo diretor científico da Fapesp, Carlos Henrique de Brito Cruz, que abordará o tema "Como o progresso da ciência e da pesquisa beneficia a sociedade". No dia 8 de junho, o assunto será "Mecânica Quântica", com o professor Amir Caldeira, do IFGW. E no dia 6 de julho, a palestra "Ondas Gravitacionais - o Prêmio Nobel de Física 2017" será ministrada pelo professor Alberto Saa, do Instituto de Matemática, Estatística e Computação Científica (Imecc).

público
Reitor da Unicamp Marcelo Knobel
Reitor da Unicamp Marcelo Knobel
público
 Diretor do IFGW, Pascoal José Giglio Pagliuso
Diretor do IFGW, Pascoal José Giglio Pagliuso
público
Flávia Sobreira, professora IFGW e idealizadora do evento
Flávia Sobreira, professora IFGW e idealizadora do evento

Imagem de capa

Reitor Marcelo Knobel fala sobre ciência e pseudociência
Reitor Marcelo Knobel fala sobre ciência e pseudociência