Ficar em casa como? As desigualdades no habitar, em evidência na pandemia

Habitar uma casa, cidade ou um país não é a mesma coisa que ter um teto para viver, mas também envolve questões como liberdade, dignidade humana, e os direitos a uma existência igualitária. A necessidade de isolamento e distanciamento social para enfrentar a pandemia do novo #coronavírus tornou evidente que o "ficar em casa" não é a mesma coisa para todos, e da mesma forma os espaços públicos. "Se a rua já estava esvaziada, por diferentes classes sociais em certas áreas da cidade, ela continua sendo habitada em várias áreas da cidade em que simplesmente a casa não tem condição de dar conta das necessidades básicas das pessoas". Confere agora a entrevista do professor Eduardo Marandola, geógrafo, docente da Faculdade de Ciências Aplicadas da Unicamp. #desigualdades #habitação #FCA