Unicamp participa da 9ª edição do Inova Trade Show

Edição de imagem

O reitor da Unicamp, Antonio José de Almeida Meirelles, participou da cerimônia de abertura da 9ª edição do Inova Trade Show, realizada na manhã desta quinta-feira (3/11), no Instituto Agronômico de Campinas (IAC). O tradicional evento, que conecta empresas e instituições de pesquisa para novas oportunidades de negócio, retomou o seu formato presencial. Realizado pela Fundação Fórum Campinas Inovadora (FFCi), a expectativa é que mais de 1,2 mil pessoas participem desta edição.

Em sua fala, durante a abertura, o reitor ressaltou a capacidade do evento de agregar empresas, a academia e o setor político na promoção da inovação. “A questão da inovação em nosso país é algo que existe por meio da cooperação entre esses atores. O setor empresarial é capaz de colocar os produtos e serviços no mercado, e as instituições de ensino e pesquisa contribuem por meio da formação de pessoas e na geração de ciência, tecnologia e inovação. Por fim, o mundo político é um catalisador que tem um papel de criar infraestrutura e espaços que gerem uma grande dinamicidade”, afirmou.

Meirelles destacou a importância das agendas que têm como base os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU (Organização das Nações Unidas), que articulam as ações conjuntas desses atores. “A inovação deve aproveitar as grandes vantagens na questão ambiental e da sustentabilidade, mas também social, para que a inovação supere as carências do país. O Inova Trade Show tem essa virtude, de reunir esses atores e promover essa convergência”, avaliou.

São dois dias de evento gratuito com oportunidades para realização de negócios
São dois dias de evento gratuito com oportunidades para realização de projetos conjuntos entre empresas e instituições de pesquisa

Inova Trade Show

Para o presidente da FFCi e diretor do Parque Científico e Tecnológico da Unicamp, Eduardo Gurgel do Amaral, o Inova Trade Show se propõe a conectar os atores que integram o ecossistema de inovação para apresentarem projetos, ideias e ações no âmbito da Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) e em favor do desenvolvimento socioeconômico sustentado.

“A Fundação Fórum tem como principal objetivo promover e ampliar a utilização da Ciência, Tecnologia e Inovação. O Inova Trade Show é uma iniciativa nesta direção, reunindo especialistas que debatem temas de grande relevância e apresentando o que é desenvolvido no ecossistema”, afirma.

A programação prevê painéis e palestras que somam mais de 14 horas de conteúdo. Na quinta-feira, trouxe convidados para abordar sustentabilidade e inovação, metaverso aplicado à indústria e ao comércio, liderança feminina na tecnologia e inovação e o marco legal das startups.

Nesta sexta-feira (4/11), a programação inclui temas como agronegócio, com foco em  inovação aberta, mudanças climáticas e sustentabilidade na produção de alimentos. O encerramento será realizado com a 11ª Conferência Campinas Startups, promovida em parceria com a Campinas Tech.

Reitor Antonio Meirelles e Eduardo Gurgel:
O reitor Antonio Meirelles e o presidente da FFCi e diretor do Parque Científico e Tecnológico da Unicamp, Eduardo Gurgel do Amaral: conectar atores para o ecossistema de inovação

Parque Científico e Tecnológico da Unicamp

Logo ao entrarem no espaço de eventos do Instituto Agronômico de Campinas (IAC), os participantes encontram no primeiro estande as tecnologias e serviços desenvolvidos pelas empresas hospedadas no Parque Científico e Tecnológico da Unicamp ou incubadas na Incubadora de Empresas de Base Tecnológica da Unicamp (Incamp), ambos sob gestão da Agência de Inovação Inova Unicamp.

Durante os dois dias de evento, oito empresas do Parque da Unicamp irão dividir, em sistema de rodízio dos balcões de exposição, o espaço do estande com equipe de gestão, além de docentes de tecnologias da Unicamp e da equipe de parcerias com setor empresarial da Inova Unicamp.

O potencial de conexão com parceiros e novos clientes para as empresas durante a feira é um dos principais benefícios apresentados por Mariana Zanatta Inglez, gerente do Parque Científico da Unicamp e da Incamp. “Sabemos que muitas empresas escolhem se hospedar no nosso Parque e receberem nossas mentorias nos programas de incubação por causa da rede de relacionamento que possibilitamos. Uma rede que envolve outros institutos de pesquisa, além de investidores e parceiros. Participar de eventos como esse é uma das formas de conexão que possibilita visibilidade para essas empresas, que vão treinar em cada interação como fazer um bom pitch de seus negócios”, explica Zanatta Inglez.

Sobre a Fundação Fórum Campinas Inovadora

A Fundação Fórum Campinas inovadora (FFCi) é uma entidade que reúne todas as Instituições de Ciência e Tecnologia de maior relevância da região de Campinas, além das principais associações empresariais e órgãos governamentais, que têm atuação ou influência direta no ecossistema de inovação da região. A FFCi tem como principal objetivo promover e ampliar a utilização da Ciência, Tecnologia e Inovação (C,T&I), visando a contribuir para um significativo aumento da competitividade e para o fortalecimento do desenvolvimento socioeconômico regional e nacional.

Imagem de capa
Abertura da 9ª edição do Inova Trade Show, realizada na manhã desta quinta-feira (3/11), no Instituto Agronômico de Campinas (IAC)

twitter_icofacebook_ico

Comunidade Interna

O objetivo da reunião foi apresentar a experiência da Unicamp na aquisição de energia elétrica no Ambiente de Contratação Livre 

Modalidade oferecida pela Unicamp para financiamento de projetos de ensino, pesquisa e extensão completa 20 anos

Atualidades

Evento começou esta semana no Instituto de Computação e conta com aulas teóricas, simulados e palestras com patrocinadores

José Ricardo Teixeira Junior (IB) e Geovane Augusto Gaia Vieira (IG) vão para as universidades norte-americanas de Yale e UCLA, respectivamente

Artigo destaca a relevância das pesquisas acadêmicas sobre direitos humanos

Cultura & Sociedade

Instituto reúne grupos de pesquisa de 24 instituições e deve fortalecer os estudos de gênero no país; a coordenação é das docentes Viviane Resende, da Universidade de Brasília e Karla Bessa, do Núcleo de Estudos de Gênero (Pagu) da Unicamp

Atividade será uma das primeiras iniciativas a partir de parceria com a Secretaria Municipal de Esportes e Lazer de Campinas