Programa aluno-artista lança sua 8ª edição

mosaico

Traçar caminhos de ocupação do espaço público e questionar a identidade feminina são algumas das propostas do grupo Morganas, que se apresentou na última sexta-feira (17), no lançamento da 8ª edição do Programa Aluno-artista. O grupo iniciou a performance na praça Milton Santos, entrou pelo prédio da Secretaria Geral, seguido pelo público e finalizou sua atuação dentro da sala do Conselho Universitário (Consu). O contraste entre a formalidade da sala e proposta do grupo deram um pouco de ideia do que está por vir. O Morganas foi um dos 15 grupos selecionados para receber as Bolsas Culturais do Serviço de Apoio ao Estudante (SAE), desenvolver seu projeto nos próximos meses e se apresentar para a comunidade da Unicamp. “Precisamos criar essa cultura da cultura dentro dos nossos Campi”, afirmou o reitor, Marcelo Knobel.

Além do reitor, a cerimônia, que aconteceu na última sexta-feira (17), contou com a presença da coordenadora-Geral, Teresa Dib Zambon Atvars; da pró-reitora de Graduação, Eliana Amaral; da coordenadora do serviço de apoio ao estudante (SAE), Helena Altmann; da assessora cultural do SAE Maria Claudia Alvez Guimarães; e dos estudantes-artistas de diversos cursos da universidade. Com objetivo de conhecer o projeto e estabelecer possíveis parcerias, acompanharam também o evento o gerente e a coordenadora de projetos do Sesc Campinas, Hideki Yoshimoto e Flávia Marques, e o gerente geral do Banco do Brasil, André Aguiar.

mesa de cerimonia
Maria Claudia Alvez Guimarães, Eliana Amaral, Marcelo Knobel, Teresa Dib Zambon Atvars e Helena Altmann

“Não existe nenhuma boa universidade no mundo sem uma área artística forte. A Unicamp é considerada, hoje, a melhor da América Latina. Eu não canso de me surpreender com a qualidade dos nossos docentes e nossos estudantes, que fazem jus a essa posição da Unicamp de liderança em todas as áreas do conhecimento e, em particular, na área artística”, declarou o reitor.

reitor em mesa
Reitor Marcelo Knobel 

O programa, criado em 2010, quando Knobel era pró-reitor de graduação, oferece, atualmente, bolsas para 15 projetos culturais, podendo ser até dois alunos beneficiados por projeto. Selecionados por um comitê de professores doutores de dentro e fora da universidade, os projetos incluem: Artes Cênicas, Artes Corporais, Artes Visuais, Diversidade Cultural, Literatura, Multimeios e Música.

estudantes e autoridades
Selecionados para 8ª edição do Programa Aluno-artista

 “A gente acompanhava o projeto pelo campus e quis fazer parte dele também. Esperamos tocar o coração dos alunos, professores e funcionários desta universidade. Todo mundo gosta de arte, a gente quer contribuir”, afirmou Marília de Castro, estudante de música do Instituto de Artes (IA) da Unicamp, que compõe o grupo Elas Elis, um dos selecionados desta edição e responsável pelo encerramento do evento.

menina toca teclado em auditorio
Marília de Castro comanda o teclado do Elas Elis

Na próxima quinta-feira (23), o Morganas participará da roda de conversas "Mulheres e Ocupações Artísticas”, organizada pelo SAE no ambito do Programa. Acompanhe a programação pelo página do Programa no Facebook.