Faculdade de Ciências Farmacêuticas inaugura sede

Autoria
Edição de imagem

No dia 11 de abril aconteceu a solenidade de inauguração da sede da Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF) da Unicamp. Desde o mês passado, as atividades administrativas acontecem no antigo prédio da biblioteca do Instituto de Geociências, agregando o corpo docente e alguns laboratórios de pesquisa.

.Ao agradecer o apoio da Reitoria e da diretoria do Instituto de Geociências, que deu orientações sobre o uso do prédio, o diretor da Faculdade,  João Ernesto de Carvalho, garantiu que essa criação marca uma nova fase do curso: “essa proximidade entre professores e alunos facilita a realização de projetos em conjunto e, consequentemente, a formação técnica e crítica dos profissionais de farmácia”. Alvaro Penteado Crósta, coordenador-geral, e José Tadeu Jorge, reitor da Unicamp, desejaram sucesso a todos e que “a sede simbolize a melhoria contínua de um curso que é de altíssima qualidade”.

A Faculdade de Ciências Farmacêuticas, instituída pela Deliberação CONSU-001/2014 de 25 de março de 2014, tem sua origem no curso de Farmácia, criado pela Deliberação CONSU-586/2002, com o oferecimento de 40 vagas a partir de 2004. Atualmente, a comunidade é composta por 16 docentes, 9 servidores e cerca de 250 alunos de graduação.

Veja mais no vídeo produzido pela TV Unicamp

 

twitter_icofacebook_ico

Comunidade Interna

O objetivo da reunião foi apresentar a experiência da Unicamp na aquisição de energia elétrica no Ambiente de Contratação Livre 

Modalidade oferecida pela Unicamp para financiamento de projetos de ensino, pesquisa e extensão completa 20 anos

Atualidades

Evento começou esta semana no Instituto de Computação e conta com aulas teóricas, simulados e palestras com patrocinadores

José Ricardo Teixeira Junior (IB) e Geovane Augusto Gaia Vieira (IG) vão para as universidades norte-americanas de Yale e UCLA, respectivamente

Artigo destaca a relevância das pesquisas acadêmicas sobre direitos humanos

Cultura & Sociedade

Instituto reúne grupos de pesquisa de 24 instituições e deve fortalecer os estudos de gênero no país; a coordenação é das docentes Viviane Resende, da Universidade de Brasília e Karla Bessa, do Núcleo de Estudos de Gênero (Pagu) da Unicamp

Atividade será uma das primeiras iniciativas a partir de parceria com a Secretaria Municipal de Esportes e Lazer de Campinas