Unicamp cria portal mais funcional

 

Nova versão será mais responsiva e vai oferecer uma série de melhorias ao usuário

 

O assessor-chefe Clayton Levy com a equipe da Ascom que trabalhou na atualização do “Portal da Unicamp”
O assessor-chefe Clayton Levy com a equipe da Ascom que trabalhou na atualização do “Portal da Unicamp”

O novo Portal da Unicamp entrou no ar no último dia 14, oferecendo uma série de melhorias ao usuário. O www.unicamp.br manterá o seu caráter jornalístico, mas será mais responsivo e proporcionará melhor navegabilidade. Uma mudança importante foi a implementação da categorização das notícias, de modo a tornar mais rápido o acesso às informações. Outra novidade é a inserção das redes sociais Facebook e Twitter, que passarão a contar com perfis oficiais da Unicamp.

O projeto também teve como um dos principais objetivos a integração das diversas mídias disponíveis no processo de comunicação institucional e uma nova postura da linha editorial, mais voltada para a divulgação científica e cultural. “Não se trata apenas de uma customização do layout, mas de uma reformulação de conteúdo nos moldes da comunicação integrada”, afirma o jornalista Clayton Levy, coordenador da Assessoria de Comunicação e Imprensa (Ascom). “As mudanças foram realizadas com a preocupação de ampliar a divulgação das atividades da universidade, estreitando assim o diálogo entre a instituição e a sociedade”, completa.

Todo o trabalho de desenvolvimento do novo Portal da Unicamp foi executado exclusivamente por profissionais da Ascom, com apoio do Centro de Computação da Unicamp (CCUEC), e sem despesas adicionais para a Universidade. As atividades foram iniciadas em maio passado, envolvendo jornalistas, webdesigners, fotógrafos e profissionais da área administrativa e de tecnologia da informação da Ascom. “Consideramos importante valorizar as competências internas e agregar esse grupo de profissionais em torno de um projeto comum”, explica Levy.

O processo de trabalho incluiu a análise das fragilidades e dos pontos fortes do portal atual, definições de requisitos e montagem da estrutura da informação. Além de cuidar dos aspectos técnicos envolvidos nesse tipo de projeto, a equipe também realizou uma extensa análise em sites de outras universidades, tanto no Brasil quanto no exterior. “Seguimos as principais tendências nessa área, com o cuidado de adaptar as soluções às nossas necessidades”, explica Laura Freitas Rodrigues, que coordenou as ações relacionadas à tecnologia da informação.

Reprodução do novo “layout”: integração das diversas mídias disponíveis no processo de comunicação institucional
Reprodução do novo “layout”: integração das diversas mídias disponíveis no processo de comunicação institucional

Segundo ela, a arquitetura do portal foi desenvolvida levando em conta a experiência do usuário. Já a hierarquização das informações foi orientada pelo número de acessos aos temas de interesse registrados pelo Google Analytics. Essa nova versão também contará com maior responsividade, o que permitirá que o portal seja acessado de qualquer plataforma, incluindo celulares, proporcionando interface amigável. Outra novidade é a disponibilização de um banco de imagens.

O novo portal conta com dois menus superiores. No primeiro estão listados “Área da Saúde”, “Faculdade e Institutos” “Ingresso” e “Informações para...”. No segundo, estão “A Universidade”, “Ensino”, “Pesquisa”, “Relações com a Sociedade” e “Mídias e Comunicação”. Por meio deles, com apenas um clique, o usuário consegue acessar o conteúdo desejado.

A nova versão do portal abrigará ainda o Jornal da Unicamp (JU), que passou a ser publicado exclusivamente na versão on-line desde julho de 2016. Ao conteúdo já relacionado, também vão se somar vídeos e áudios. “Vale destacar que todo esse material estará integrado às principais redes sociais”, reforça Levy. De acordo com ele, o novo site permitirá igualmente a publicação de mais fotos, infográficos e ilustrações, recursos que tornam as notícias ainda mais atraentes. A última reformulação do Portal da Unicamp ocorreu em abril de 2012.

Essa é a sexta reformulação pela qual passa o Portal da Unicamp desde a sua primeira versão, em 1996. A Unicamp institucionalizou a sua área de comunicação em 1982 com a criação da Assessoria de Comunicação e Imprensa (Ascom). Coube a esse setor, ao longo dos anos, organizar e sistematizar a política de comunicação da Universidade, seja por meio da interlocução com os veículos de comunicação, seja por publicações próprias, com fins institucionais. A Ascom considera a comunicação institucional uma atividade estratégica e não apenas operacional.

A Unicamp responde atualmente por 8% da produção científica nacional, o que resulta num significativo volume de informações de interesse público. Por essa razão, segundo o coordenador da Ascom, a Universidade deixou de ser apenas um centro gerador de conhecimento novo para consolidar-se também como um importante agente para disseminação da ciência e da cultura. Para se ter uma ideia da importância dessa atividade, basta citar que, de junho do ano passado a outubro deste ano a Unicamp foi objeto de aproximadamente 45 mil reportagens veiculadas na mídia. Desse total, 87% foram consideradas notícias positivas, 6% negativas e 7% neutras, segundo levantamento interno.

Boa parte das pesquisas da Unicamp divulgadas pela mídia foi disseminada a partir do Jornal da Unicamp. Somente nos últimos vinte anos, o JU divulgou cerca de cinco mil pesquisas desenvolvidas por pesquisadores da instituição, em todas as áreas do conhecimento. Segundo o editor do Jornal, Álvaro Kassab, são pesquisas de interesse público, realizadas com recursos públicos.  O Portal da Unicamp desempenhou papel expressivo nesse processo, uma vez que proporcionou o efeito multiplicador das informações divulgadas pelo JU. A expectativa é que o novo portal passe a ser o principal canal para integrar todas as mídias, ampliando a capacidade institucional no campo da divulgação científica e cultural. Atualmente, o Portal da Unicamp registra uma média mensal de 730 mil visualizações de páginas, segundo dados do Google Analytics.

Capa do manual produzido pela Ascom: aproximando a Unicamp da sociedade
Capa do manual produzido pela Ascom: aproximando a Unicamp da sociedade

Manual
A Assessoria de Comunicação e Imprensa (Ascom) da Unicamp acaba de lançar o “Manual de Relacionamento com a Imprensa”, um guia prático para orientar dirigentes, docentes, pesquisadores e funcionários da Universidade no contato com a mídia. O objetivo da publicação é oferecer aos integrantes da comunidade universitária, que são potenciais fontes de informação, elementos que facilitem essa interlocução.

O manual também foi totalmente desenvolvido por profissionais da Ascom, sem qualquer custo para a Universidade. O volume, que já está sendo distribuído a dirigentes e gestores de faculdades, institutos, órgãos e departamentos, traz sugestões sobre agendamento e concessão de entrevistas e elaboração de artigos, entre outras. Segundo o coordenador da Ascom, Clayton Levy, a publicação é mais uma ferramenta importante no esforço de aproximar a Unicamp da sociedade.