Cotil retoma convênio com a Santa Casa de Limeira

Um convênio assinado na quarta-feira (10) permite que estudantes do curso de técnico em Enfermagem do Colégio Técnico de Limeira (Cotil) realizem estágios no hospital Santa Casa de Limeira.

Pelo acordo, cerca de 190 alunos dos 2º e 3º anos além de um grupo que não conseguiu completar o estágio por conta da pandemia deverão cumprir o processo de complementação da formação já a partir desta semana. O reitor da Unicamp, professor Antonio Meirelles, participou da solenidade de assinatura do acordo.

A Santa Casa comemora neste ano 127 anos de sua fundação. É uma instituição de referência para ao menos 26 cidades da região de Limeira, nas quais vivem cerca de 1 milhão de pessoas. Aproximadamente 85% dos atendimentos na Santa Casa são realizados pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

"Em nome do Colégio, eu tenho de agradecer muito à Santa Casa por nos receber novamente", disse o diretor do Cotil, Augusto César Silveira. "Aqui era a nossa casa, a casa dos nossos professores e dos nossos alunos", acrescentou o professor. O Colégio Técnico de Limeira foi a primeira escola a fazer convênio com a Santa Casa, numa parceria que durou 46 anos. Nos últimos anos, no entanto, o convênio estava suspenso. "Tenho certeza de que esse novo convênio vai ser um avanço e permitirá a expansão do relacionamento da Santa Casa tanto com o Cotil quanto com a Universidade", complementou Silveira. 

##
O Cotil foi a primeira escola a fazer convênio com a Santa Casa, numa parceria que durou 46 anos; nos últimos anos o convênio estava suspenso

"Para nós, é uma honra receber a Unicamp. Temos um carinho muito grande pela instituição. Trabalhamos muitos e muitos anos juntos", disse o provedor da Santa Casa, Marcos Bozza. "A Unicamp contribui fortemente na formação e geração de profissionais para a nossa instituição", afirmou Bozza. "E esse convênio assinado hoje vai permitir a continuidade dessa nossa história e, tenho certeza, vai produzir benefícios para as duas instituições", reforçou ele.

Meirelles disse que a Unicamp tem todo interesse em manter esse tipo de parceria. "Tomara que a gente prossiga nesse caminho, porque, para a Universidade e para os nossos colégios técnicos, é muito importante essa interação com as instituições da sociedade. Sabemos que a Santa Casa tem uma imensa tradição em Limeira e, por isso, é uma honra para nós desenvolver esse tipo de colaboração", garantiu o reitor.

Para Meirelles, o convênio com o curso de enfermagem pode abrir portas para outras colaborações. "É questão de a instituição (Santa Casa) encontrar uma área em que esteja interessada e iniciarmos as conversações. Porque podemos pensar em outros cursos e em outras colaborações", reforçou o reitor.

Desde sua instalação em Limeira, em 1967, o Cotil passou a oferecer o curso técnico em Máquinas e Motores. Nos anos seguintes, passaram a ser oferecidos os cursos de técnico em Edificações e em Estradas. O curso técnico em Enfermagem foi criado em 1974.

Definido pela Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo como um hospital estruturante, a Santa Casa dispõe de 264 leitos, sendo 26 na UTI adulto, sete  na UTI Pediátrica, dez UTIs neonatal e 12 na Unidade de Queimados. A Santa Casa também é referência em Gestação de Alto Risco, Neurocirurgia, Queimaduras e Ortopedia e Traumatologia.

Imagem de capa

Cerca de 190 alunos do curso de técnico em Enfermagem dos 2º e 3º anos deverão iniciar a complementação da formação já a partir da semana que vem; convênio foi firmado no último dia 10
A Santa Casa comemora neste ano 127 anos de sua fundação