Deputado federal Alexis Fonteyne oficializa nova emenda para o HC

Pelo terceiro ano seguido, o Hospital de Clínicas da Unicamp é aprovado em um processo seletivo para a aplicação de recursos selecionados pelo gabinete do deputado federal Alexis Fonteyne (NOVO). Nesta segunda-feira (7/2), o parlamentar, que é natural de Campinas, anunciou ao superintendente do Hospital das Clínicas, Antonio Gonçalves de Oliveira Filho, uma emenda do orçamento da União no valor de R$ 300.000,00.

O HC é uma referência de alta complexidade em Campinas e região na área da saúde. Estamos trazendo recursos para o custeio do hospital, que teve que se reinventar durante pandemia. Estamos trazendo o imposto de volta para a saúde. Tenho certeza que os recursos serão muito bem utilizados no atendimento à população”, disse o deputado.

De acordo com Antonio Gonçalves, desde o primeiro ano de mandato o deputado tem ajudado o hospital. “O HC atende a população com recursos do SUS. Essas emendas beneficiam não só o HC, mas toda a população atendida pelo hospital”, disse. Desde 2019, o parlamentar indicou para o HC R$ 1.300.000,00 em emendas.

As emendas parlamentares são recursos do orçamento público, legalmente indicados por deputados e senadores, para atender finalidades públicas. Do total de que cada parlamentar dispõe sobre orçamento da União, metade são impositivas para Saúde. Após a indicação na Lei Orçamentária Anual, o Poder Executivo realiza o pagamento para atender as demandas da comunidade que o parlamentar representa.

O parlamentar afirmou que a outra metade das emendas a que tem direito é direcionada a projetos de infraestrutura em saneamento básico nos municípios do Estado de São Paulo. “Fortalecendo o investimento em saneamento básico, e sabendo que somente 46% dos esgotos produzidos no país são tratados, conseguimos reduzir a pressão sobre os hospitais e, assim, melhorar a qualidade de vidas da população”, ressaltou.

Eleito deputado federal em 2018 pelo Partido NOVO, Fonteyne é integrante da CDEICS (Comissão de Desenvolvimento Econômico), da CFT (Comissão de Finanças e Tributação) e da CTASP (Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público). Foi também membro da Comissão Especial da Reforma Tributária.