Campinas Decor estuda parceria para restaurar sede antiga da FOP

A Faculdade de Odontologia de Piracicaba (FOP) da Unicamp recebeu a visita do reitor, Antonio José de Almeida Meirelles, na tarde de segunda-feira (13/12). O encontro teve como objetivo estudar uma parceria entre a Unicamp e a Campinas Decor visando à restauração do antigo prédio da Faculdade. A comitiva conheceu o local e avaliou possibilidades de recuperação do edifício centenário, localizado no centro de Piracicaba.

Participaram da reunião, além do reitor, o chefe de gabinete Paulo César Montagner, o diretor da FOP, Francisco Haiter Neto, o diretor associado, Flávio Henrique Baggio Aguiar, a organizadora do Campinas Decor, Sueli Cardoso e a supervisora administrativa do Campinas Decor, Marilena Nacarato.

O antigo prédio da FOP, tombado pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Cultural de Piracicaba (Codephac)
O antigo prédio da FOP é tombado pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Cultural de Piracicaba (Codephac)

Meirelles identificou na comitiva da Campinas Decor grande disposição para a parceria. “Eles perceberam a importância de Piracicaba e a possibilidade de negócio desse tipo de iniciativa. A recuperação de um prédio no centro da cidade dará uma maior visibilidade não só ao próprio edifício, mas também à Unicamp e à FOP. O desafio para a Decor será sondar potenciais parceiros, avaliar os custos e propor uma forma de dividi-los entre as partes. À FOP caberá analisar o melhor uso para o prédio. Ele poderá ser um centro de desenvolvimento de novas ideias, de inovação na área de saúde ou de atividades culturais”, explicou. A forma de utilização do espaço terá implicações para o projeto de recuperação do prédio e sua adaptação em termos de energia elétrica e hidráulica.

O diretor da FOP destacou a sintonia entre a direção da Unidade e o reitor, que em poucos meses de mandato já visitou a Faculdade três vezes. "Se unirmos força, teremos sucesso na recuperação desse prédio histórico. Vejo essa união com muito bons olhos. Isso mostra que não estamos parados. Estamos procurando soluções para que o local tenha um destino nobre: atender à população de Piracicaba. Assim, ganha a FOP, ganha a Unicamp e ganha a comunidade piracicabana”, avalia Haiter Neto.

“A cidade tem potencial grande de crescimento. A Unicamp está querendo socializar o espaço e viemos avaliar uma forma de participar em um projeto de interesse para a cidade. O prédio é lindo, muito espaçoso, dentro de uma área maravilhosa, bem no centro da cidade. Acredito que as regiões centrais devem ser preservadas. Pretendemos fazer algo que traga benefício à população”, disse Cardoso.

O antigo prédio da FOP, tombado pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Cultural de Piracicaba (Codephac), abriga o curso de Técnico em Prótese Dentária, o Museu da Odontologia, clínicas do CEO (Centro de Especialidades Odontológicas), clínica de pediatria e clínica extra-muro dos alunos de graduação.

Imagem de capa

O prédio é tombado pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Cultural de Piracicaba (Codephac) e abriga o curso de Técnico em Prótese Dentária, o Museu da Odontologia e clínicas 
O prédio é tombado pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Cultural de Piracicaba (Codephac) e abriga o curso de Técnico em Prótese Dentária, o Museu da Odontologia e clínicas