Memorial Covid Unicamp: espaço na Universidade para acolhimento e homenagens

A Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (ProEC) da Unicamp realiza no próximo dia 9 de dezembro o lançamento do projeto Memorial Covid Unicamp. A iniciativa tem o objetivo de homenagear membros da comunidade universitária que sofreram os efeitos da pandemia de Covid-19, e também aqueles que desempenharam um papel importante no controle da doença e nas atividades da Universidade. O evento ocorrerá na Rua Vital Brasil, em frente à entrada principal do Hospital de Clínicas (HC), a partir das 18h15. 

"Vamos fazer uma homenagem às vítimas da Covid-19, incluindo nossos funcionários e seus familiares. Prestaremos nossa solidariedade a eles e, ao mesmo tempo, iremos propor uma reflexão sobre a importância da ciência e sobre os danos do negacionismo. Como universidade, queremos reafirmar nosso compromisso com o conhecimento, deixando claro que a tragédia provocada pela Covid-19 é, em grande parte, causada pelo negacionismo", explica o professor Fernando Santos Coelho, pró-reitor de Extensão e Cultura da Unicamp. 

Durante o lançamento, será projetado, em um dos prédios do entorno, um vídeo com fotos e relatos sobre a pandemia feitos por pessoas comuns. O material foi coletado pela plataforma #MemóriasCovid19, projeto idealizado e liderado por Ana Carolina Maciel, coordenadora da Cocen (Coordenadoria dos Centros e Núcleos Interdisciplinares de Pesquisa da Unicamp), que conta com uma equipe multidisciplinar de curadoria. "É um trabalho que mistura profundidade e leveza. Há um enorme significado na homenagem pois  ela traduz os sentimentos de pessoas que vivenciaram a pandemia de várias formas", avalia o pró-reitor. O vídeo tem cerca de oito minutos e será projetado ao longo de uma hora, possibilitando a todos que passarem pelo local a oportunidade de assistir. 

Além da projeção do vídeo, haverá o lançamento do portal do Memorial Covid Unicamp e o anúncio das atividades programadas para 2022. Fernando Coelho pontua que serão ações voltadas à escuta e ao acolhimento das pessoas, facilitando a troca de experiências, com atividades como rodas de conversa e outras

Outro destaque do projeto é a instalação de memoriais físicos nos campi da Universidade. "A ideia é termos, nas três cidades onde a Unicamp está presente, em Campinas, Limeira e Piracicaba, uma obra física que homenageie as vítimas da Covid-19, tanto aquelas ligadas à Unicamp, nossos funcionários, alunos, docentes e terceirizados, e seus familiares, como também as mais de 600 mil vidas perdidas no Brasil, em grande parte por culpa do negacionismo", detalha o professor. O local receberá também um projeto paisagístico e iluminação especial. No campus de Barão Geraldo, ele será instalado na Praça da Paz, próximo às  Faculdades de Engenharia de Alimentos (FEA) e Engenharia Elétrica e de Computação (FEEC). 

No início de 2022, será anunciado um concurso em que artistas plásticos poderão apresentar propostas para a confecção da obra e do projeto visual do memorial. "Será um espaço de reflexão e de tranquilidade, para que as pessoas possam pensar na situação que vivemos, além de ser um local de referência para a Universidade. Por isso, ele será instalado também nos outros campi". 

Serviço

Cerimônia de lançamento do projeto Memorial Covid Unicamp
Dia 9 de dezembro, a partir das 18h15
Rua Vital Brasil, em frente à entrada principal do Hospital de Clínicas

Imagem de capa

montagem de imagens mostra, ao centro, profissionais andando em um caminho e, ao redor, fotos com profisisonais da saúde e de outras áreas da unicamp
Lançamento ocorre no dia 9 de dezembro, em frente ao Hospital de Clínicas, com divulgação de portal do projeto e programação de atividades para 2022