Morre Antonio de Pádua Franceschi, aluno da primeira turma de Medicina da FCM

Aluno da primeira turma de Medicina da Faculdade de Ciências Médicas (FCM) da Unicamp, o médico pediatra Antonio de Pádua Franceschi faleceu na madrugada dessa segunda-feira (3), em Campinas. Era sócio-fundador da tradicional e conhecida rede de laboratórios Franceschi. Com unidades em Paulínia, Sumaré, Jaguariúna e Campinas, a empresa conta com 150 colaboradores.

Apaixonado por medicina desde a infância, Franceschi não poupou esforços e horas de sono para a realização desse sonho. Cursou supletivo após os 18 anos e, conciliando estudos e trabalho, ingressou na FCM em 1963.

A dedicação à profissão era a sua razão de ser. Costumava afirmar que o encontro entre médico e paciente era o que tinha de mais bonito na profissão. “Muitas vezes, o paciente não tem doença nenhuma, mas está “doente” e precisa de atenção, ser ouvido. Essa é a função do profissional de medicina”.

“É preciso muita coragem para enfrentar os momentos difíceis, capacidade para entender o paciente e conhecimento de doenças e critérios para atender com eficiência”, disse em 2017 o pediatra em entrevista para a Sociedade de Medicina e Cirurgia de Campinas (SMCC). Na ocasião, ele havia sido homenageado com o Prêmio Paes Lemes, pelos relevantes serviços de saúde prestados ao município. Leia aqui a máteria publicada no site da SMCC.

Matéria publicada originalmente no site da FCM.