Concluída a primeira etapa do Sirius, a nova fonte síncrotron

Claudia Izique  |  Agência FAPESP – O Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM), em Campinas (SP), concluiu a primeira etapa do Sirius, a nova fonte brasileira de luz síncrotron. Serão inaugurados nesta quarta-feira (14/11) o edifício de 68 mil metros quadrados de área e 15 metros de altura em formato circular e dois dos três aceleradores de elétrons que compõem o projeto.

Leia notícia completa na página da Fapesp

Imagem de capa

Prédio com 68 mil metros quadrados e dois aceleradores no campus do CNPEM, em Campinas (imagem: Pesquisa FAPESP)
Prédio com 68 mil metros quadrados e dois aceleradores no campus do CNPEM, em Campinas (imagem: Pesquisa FAPESP)