General Décio Luís Schons, comandante da Escola Superior de Guerra, realiza palestra na Unicamp

A Unicamp recebeu nesta sexta-feira (9) a visita do general Décio Luís Schons, comandante da Escola Superior de Guerra (ESG). O oficial do Exército Brasileiro foi convidado pelo Núcleo de Estudos de Políticas Públicas (Nepp) para ministrar a palestra O ensino de pós-graduação na Escola Superior Militar. O general Schons foi recebido pela coordenadora-geral da Unicamp, professora Teresa Atvars.

General Décio Luís Schons, comandante da Escola Superior de Guerra
General Décio Luís Schons, comandante da Escola Superior de Guerra

Contando com a presença de gestores e pesquisadores da Unicamp, o general Schons apresentou um panorama sobre o ensino superior militar no Brasil, enfatizando o trabalho desenvolvido pela ESG na pós-graduação com cursos lato sensu, stricto sensu e de especialização. As linhas de pesquisas desenvolvidas pelos pesquisadores da Escola Superior de Guerra também foram apresentadas, tendo em vista a possibilidade de realização de futuras parcerias entre a Escola e a Unicamp.

O general Schons ressaltou a importância da ESG dialogar com outras instituições de ensino e pesquisa superiores. “Todos nós, tanto da Escola Superior de Guerra e Forças Armadas, quanto a Unicamp e a academia em geral, temos em comum o interesse nacional e o bem comum. São objetivos convergentes que nos movem. Temos que buscar áreas de possíveis parcerias para potencializarmos, para que uma instituição ajude a outra a cumprir melhor suas missões”.

Representantes da Unicamp acompanham palestra do general Décio Luís Schons
Representantes da Unicamp acompanham palestra do general Décio Luís Schons

A Unicamp já realizou parcerias com as Forças Armadas em diferentes momentos, como apoio à laboratórios de produtos controlados por parte da 11ª Brigada de Infantaria Leve sediada em Campinas. Outras áreas da universidade, como saúde, educação física e pedagogia, já realizaram cooperações pontuais com a Escola de Cadetes, Academia Militar das Agulhas Negras e outras unidades de ensino militares. 

Outra forma de intercâmbio informal lembrado no evento são os alunos da Unicamp que ingressam nas Forças Armadas após se formarem, e militares da ativa e reserva que se matriculam em cursos de pós-graduação da universidade.

Roberta Rocha Borges, pesquisadora do Núcleo de Estudos de Políticas Públicas 
Roberta Rocha Borges, pesquisadora do Núcleo de Estudos de Políticas Públicas

“Acreditamos que essas iniciativas podem ser potencializadas e ampliadas a partir do diálogo e criação de linhas de pesquisa que tornem essa integração mais ampla e efetiva”, afirmou Roberta Rocha Borges, pesquisadora do Núcleo de Estudos de Políticas Públicas e organizadora do encontro. 

A Escola Superior de Guerra foi fundada em 1949, no Rio de Janeiro. Atualmente vinculada ao Ministério da Defesa, a ESG é um centro de estudos de politica e defesa, voltada para a formação e capacitação de quadros civis e militares. Os candidatos aos cursos são selecionados após serem indicados por órgãos da administração pública e Forças Armadas.

Apresentação da Escola Superior de Guerra
Apresentação da Escola Superior de Guerra

Recentemente começou a funcionar o campus de Brasília da ESG, onde são ministrados cursos de pós-graduação. Os cursos stricto sensu da Escola Superior de Guerra estão em fase de avaliação pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes).