Biofabris oferece treinamento a técnicos especialistas da Anvisa em novas tecnologias em saúde

O Laboratório Biofabris (ligado ao Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia – INCT em Biofabricação) da Unicamp estará promovendo até o dia 7 (quinta-feira), na Faculdade de Engenharia Química (FEQ), um treinamento a técnicos especialistas da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) sobre Tecnologias Inovadoras na área da saúde. O treinamento tem como objetivo o projeto de construção de próteses por impressão 3D.

As atividades serão divididas em três etapas, sendo que a primeira, mais teórica, ocorrerá na sala de treinamento da Biofabris; a segunda, mais prática, em laboratório da FEQ; e a terceira, que acontecerá na quarta-feira (6), às 10h30, na Biofabris (FEQ), estão previstas as presenças de dois pacientes do HC que passaram por cirurgia plástica e que foram casos bem-sucedidos que exemplificam os implantes de próteses em 3D.

Segundo o professor e engenheiro André Luiz Jardini Munhoz, que ministrará o treinamento ao lado de outros especialistas, não existe no Brasil regulamentação para certificados de próteses por impressão 3D. Na Unicamp, foi desenvolvido um protocolo de implante de dez pacientes no HC que tinham perdido até 40% do crânio e que já passaram pelo procedimento. “A Unicamp é a única instituição aprovada no edital da Anvisa para oferecer esse treinamento aos técnicos da agência em novas tecnologias”, conta André.

Veja textos sobre as próteses em 3D publicados no Jornal da Unicamp:


Laboratório testa próteses ‘biofabricadas’ em humanos
Uma técnica pioneira para a produção de colágeno líquido
Em escala maior
HC faz 1ª cirurgia de crânio com titânio impresso em 3D