Exposição "Improvisos" ganha espaço no CIS-Guanabara

Exposição "Improvisos" ganha espaço no CIS-Guanabara
Foto 1: Trabalho de Tiago Cesar retrata o espírito humano de maneira variada e inusitada
Foto 2: O artista João Bosco aplica técnicas mistas em seus trabalhos
Foto 3: Eni Ilis mostra seus mais recentes trabalhos em aquarela sobre papel

Aquarelas sobre papel, colagens e óleo sobre tela são algumas das técnicas aplicadas pelos artistas Eni Ilis, Joao Bosco e Tiago Cesar na mostra Improvisos que será realizada na Galeria de Arte do CIS-Guanabara, no período de 17 a 30 de maio. A vernissage, com apresentação musical de Aline Sampaio e Julio Oliveira, ocorre às 17 horas e a mostra poderá ser vista gratuitamente de segunda a sexta-feira, das 9 às 20 horas e sábados e domingos, das 9 às 17

Artista autodidata e atualmente envolvida com Arte Postal, Eni Ilis é formada em Filosofia. Com larga produção na técnica esferográfica, a artista apresenta pela primeira vez, em Improvisos, seus mais recentes trabalhos em aquarela sobre papel.

João Bosco apresenta nessa mostra obras realizadas em técnica mista tendo a pintura e colagens sobre tela como seu principal suporte. Seus trabalhos são inspirados na Arte Povera, técnica em que o improviso e o inusitado se unem. A Arte Povera (em inglês, “poor art” ou “arte pobre”) surgiu na Itália nos anos 1960 e se caracteriza pelo uso de materiais simples, muitas vezes, descartáveis.

Artista plástico e arte-educador, João Bosco tem no currículo diversas exposições e premiações. Ilustrador da Folha de S. Paulo entre os anos 2007 e 2014, atuou como curador na Livraria Pontes e Estação Cultura de Campinas. Integra o catálogo digital Gravura Brasileira – Acervo Olho Latino 2014.

Tiago Cesar apresenta um trabalho despojado, de cores e traços vivos realizados com tinta óleo sobre tela. Retrata o espírito humano de maneiras variadas e inusitadas, como brincadeiras, danças, esportes (surf, futebol, bicicleta). Também passeia pelo abstrato e figuras autênticas e engraçadas como na série “Rostos Camuflados”, em que as faces são apresentadas de maneira desproporcional.

O artista trabalha com pintura nas técnicas com tinta a óleo e acrílico desde 2011. Natural de Vitória, atualmente mora em Campinas, onde já expôs em diversos locais como Casa do Lago na Unicamp, Franz Café, Piola, Ateliê Lisa França e Estação de Cultura de Campinas. Em 2017 obteve primeiro lugar na categoria pintura no salão de Indaiatuba. Atualmente expõe na Feira de Artesanato do Centro de Convivência de Campinas, sempre aos sábados e domingos. A coordenação da exposição é da agente cultural do CIS-Guanabara, Maria Cristina Amoroso Lima Leite de Barros. A exposição Improvisos é uma realização da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (PROEC) da Unicamp.

Serviço
Exposição “Improvisos”
Data: 17 a 30 de maio de 2018
Horário:
segunda a sexta-feira, das 9 às 20 horas e sábados e domingos, das 9 às 17
Abertura: 17 de maio, às 17h00
Local: CIS-Guanabara
Entrada: Gratuita
Endereço: R. Mário Siqueira, 829 - Botafogo, Campinas (estacionamento gratuito no local)