Veja os eventos que celebram o Dia Internacional da Mulher na Unicamp

Para celebrar o Dia Internacional da Mulher, a Unicamp sediará eventos com temáticas importantes e pertinentes ao gênero. Serão realizadas apresentações musicais, exposições e palestras, dentre outras atividades que compõem a programação especial do dia 8 de março. Confira abaixo os eventos:

Caism prepara uma programação especial para as mulheres

Dia Internacional da Mulher

O Hospital da Mulher Prof. Dr. José Aristodemo Pinotti (Caism) receberá atividades preparadas pelo Serviço de Recursos Humanos e de Relações Institucionais. A partir das 8h30, ocorrerá uma apresentação musical com integrantes da Orquestra dos Patrulheiros Campinas na Sala de Espera dos Ambulatórios. Das 8h30 às 17h, haverá Reiki com colaboradores do Caism na Sala de Reuniões do RH. Na Área de Convívio, das 9h às 15h, haverá exposição, sorteio de brindes e maquiagem. As inscrições para as atividades devem ser feitas pessoalmente no RH no dia 7 de março, das 9h às 10h ou das 14h às 15h.

Leia mais

 

Parada do Empoderamento promove discussões sobre cultura, educação e saúde

Dia Internacional da Mulher

De 5 a 8 de março, a 1ª Parada do Empoderamento promoverá um ciclo de palestras gratuitas no Salão Vermelho da Prefeitura de Campinas, que abordarão cultura, educação, saúde e segurança, dentre outros temas. Aproveitando a Semana Mundial da Mulher, o evento tem por objetivo trazer à tona assuntos que envolvem o empoderamento social e feminino.

Estarão presentes para mediar as discussões personalidades como a Comendadora e Embaixadora da Paz da ONU e Embaixadora de Educação e Cultura da Academia Francesa de Letras, Lilian Fernandes; a campeã de MMA, Erica Paes; e a Presidente da Comissão da Mulher Advogada da OAB Campinas, Fábia Cristina de Almeida Bigarani. O Médico Mastologista do Hospital da Mulher (Caism) da Unicamp e coordenador da Saúde da Mulher da Secretaria Municipal de Saúde de Campinas, Fernando Brandão, também participará da ocasião.

Já no dia 11 de março, a partir das 16 horas, acontecem os shows de encerramento da 1ª Parada do Empoderamento, na Concha Acústica do Taquaral. Dentre as atrações confirmadas, estão as cantoras Iza e Ellen Oléria.

O evento é organizado pelo Elos Que Empoderam, projeto fundado em agosto de 2017 e que visa empoderar famílias socialmente para impactar de forma positiva a comunidade em que vivem, exercendo a cidadania e garantindo melhoria na qualidade de vida, por meio de ações educativas, artísticas e culturais.

Leia mais

 

Grupo de alunas do Instituto de Artes (IA) apresenta show "ElasElis"

Dia Internacional da Mulher

Dentro das atividades da Calourada 2018 e celebrando o Dia Internacional da Mulher, será realizado o show "ElasElis". O ElasElis é um grupo formado por alunas do curso de Música do Instituto de Artes (IA) e que pesquisam o repertório de Elis Regina, promovendo releituras buscando ressignificar as canções no tempo. A apresentação contará com uma performance da aluna Sarah Raquel, do curso de Dança. O evento acontecerá às 12h30, no Ciclo Básico II.

Leia mais

 

CIS-Guanabara sedia o encontro “Mulher de Fases"

O CIS-Guanabara sedia, no dia 8 de março, o encontro “Mulher de Fases – Uma Celebração ao Dia Internacional da Mulher”. Esse evento, gratuito, oferece às mulheres, de diferentes classes sociais, etnias e faixa etária, a oportunidade de momentos de reflexão sobre o lugar da mulher na sociedade moderna. Palestras, mesas redondas, oficinas e apresentações culturais integram a programação em homenagem à mulher. Coordenado e produzido pela Alquimia da Cura em parceria com o CIS-Guanabara, o encontro começa às 8h30 e se estende até às 21h30.

Dia Internacional da Mulher
Isabela Borges, coordenadora do evento: oportunidade de
reflexão sobre os desafios da mulher na sociedade moderna

Segundo a coordenadora do evento, a terapeuta Isabela Borges, nunca é demais lembrar que o dia internacional da mulher foi concebido com a intenção de mobilizar, reivindicar, discutir e fortalecer o lugar da mulher na sociedade, em igualdade de direitos e parceria com os homens. “Esse encontro é uma oportunidade de reflexão profunda sobre as dificuldades que as mulheres encontram ao lidar em todas as esferas da vida. Trazer o reconhecimento e a conexão da força do sagrado feminino para as mulheres é necessário para o equilíbrio da sociedade”, afirma Isabela. Ela vai além quando fala do esforço e dos desafios da mulher em busca do reconhecimento na sociedade: “as mulheres tiveram que se masculinizar para se tornarem equivalentes aos homens no mercado de trabalho, perdendo assim um contato mais profundo com a própria essência feminina”. É esse resgate que o evento propõe a todas as participantes.

A proposta – “Mulher de Fases” pretende oferecer uma maior consciência e experiência sobre as quatro fases do ciclo da mulher. “Essas etapas acontecem ao longo da vida e também se repetem em ciclos menores, mensais. Todo mês seu humor, disposição, comportamento, necessidades, desafios e talentos afloram de maneiras diferentes, de acordo com a fase em que ela está dentro do seu ciclo mensal”, afirma a terapeuta. Segundo ela, ao identificar, perceber e se conectar com cada fase, a mulher encontra maneiras melhores de lidar consigo mesma e com todos à sua volta. “Aprende aproveitar melhor o potencial de cada fase, a respeitar seu corpo e seus limites”, acredita. Isabela acrescenta que o objetivo do encontro é reconectar as mulheres ao seu ciclo natural, trazendo consciência de sua força, do extraordinário poder criador feminino, de apaziguar conflitos internos, posicionar melhor a mulher no mundo e contribuir para o equilíbrio da sociedade.

Durante todo o evento haverá comercialização de alimentos e bebidas não alcoólicas no local. A expositora Valeria Areias, participante da feira orgânica que acontece no Armazém do CIS-Guanabara, desenvolverá alimentos ligados às quatro fases da mulher, priorizando alimentos orgânicos e vegetarianos. “Mulher de Fases” tem o apoio do Grupo Gestor de Benefícios Sociais (GGBS-Unicamp), com apoio de Raízes e Matrizes, Instituto de Pesquisa e Estudo da Consciência (IPEC), Instituto Humanitatis e Prefeitura Municipal de Campinas.

O CIS-Guanabara fica à Rua Mário Siqueira 829, no bairro Botafogo, em Campinas (estacionamento gratuito no local). 

Leia mais

 

Peça de teatro contempla temas como preconceito e respeito 

Dia Internacional da Mulher

 

O Grupo Gestor de Benefícios Sociais (GGBS) promoverá um dia de atividades em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, no dia 8 de março, das 9 às 12 horas, no auditório do GGBS. Confira a programação completa:

9h: Café de boas vindas
9h30: Mesa de abertura com autoridades da Unicamp
10h: Apresentação da peça “Descontruindo preconceitos e construindo respeito”, do grupo de teatro Primeiro Ato
12h: Encerramento

Leia mais

 

Caism recebe a artista plástica Fúlvia Gonçalves

Dia Internacional da Mulher

A reunião semanal do Departamento de Tocoginecologia da Faculdade de Ciências Médicas (FCM) receberá a artista plástica Fúlvia Gonçalves, que falará sobre o processo de criação do "Projeto Mater", conjunto de murais que adornam as fachadas dos prédios do hospital. Fúlvia Gonçalves também participou da criação e implantação dos cursos de graduação e pós-graduação em artes plásticas da Unicamp, onde foi chefe do Departamento de Artes Plásticas do Instituto de Artes (IA). O evento acontece às 10h30, no Anfiteatro do Subsolo do Caism, no Bloco A. Todos os funcionários, professores e alunos podem participar.

Leia mais