Bienal Sesc de Dança: “Protesto” no CIS-Guanabara

 

No sábado, dia 23, às 18 horas, no Armazém do CIS-Guanabara, será realizado o espetáculo Protesto, que apresenta a dança como forma de contestação para uma melhor conexão em tempos de crise e incerteza. Partindo dessa ideia, o Núcleo Artérias, dirigido pela coreógrafa Adriana Grechi, iniciou um estudo sobre diferentes práticas de transe, que resultou nesse espetáculo. Em suas pesquisas, o coletivo descobriu técnicas comuns a várias culturas, desde os Gnawas no Marrocos (confraria mística muçulmana de origem sufi) até rituais de Umbanda no Brasil. Assim, entrou em contato com o termo “protesto oblíquo”, usado pelo antropólogo escocês Ioan Lewis para designar transes empregados como estratégias de pessoas marginalizadas, caso de mulheres em sociedades patriarcais, para ter em algum tipo de visibilidade social.

Diante desses achados, o grupo criou sua própria prática e, em cena, busca conectar corpos usando materiais que ativem os sentidos, tais como pedras, tecidos e plantas. O espetáculo tem duração de 60 minutos e os ingressos custam R$ 20,00 (inteira), R$ 10,00 (estudante com carteirinha e aposentados) e R$ 6,00 (credencial do Sesc). O espetáculo é proibido para menores de 16 anos. O CIS-Guanabara está localizado na Rua Mário Siqueira, 829, Botafogo, Campinas- SP, com estacionamento gratuito.

A Unicamp é uma das principais parceiras da Bienal Internacional de Dança do Sesc que acontece em Campinas no período de 14 a 24 de setembro. CIS-Guanabara, Casa do Lago e Ciclo Básico são os espaços que receberão apresentações da décima edição do evento. O público de Campinas terá a oportunidade de presenciar um panorama da dança contemporânea nacional e internacional. Nomes novos e consagrados compõem 67 atividades, entre espetáculos, performances, intervenções, instalações, ações formativas, oficinas, exibição de filmes e lançamentos de livros.

Veja a programação nos diferentes espaços da Universidade.

Saiba mais sobre a Bienal Sesc de Dança 2017 na matéria do Jornal da Unicamp.