Fórum debate os impactos sociais e ambientais de eventos meteorológicos extremos

Forum

O Fórum Permanente de Sociedade e Desenvolvimento apresentará em sua próxima edição o tema "Impactos Sociais, Econômicos e Ambientais de Eventos Meteorológicos Extremos". Organizado pelos pesquisadores Luiz Vieira (FEC), Ana Ávila (Cepagri), Cláudia Pfeiffer (Labeurb/Nudecri), Marta Azevedo (Nepo) e José Teixeira (Feagri), o Fórum será realizado no dia 22 de junho, a partir das 9 horas no Centro de Convenções da Unicamp.

O Brasil é um país em que raramente ocorrem desastres naturais de grande amplitude relacionados à atmosfera como furacões e tornados de grande intensidade, contudo, é um país com um grande número de eventos intensos e extremos que impactam fortemente a sociedade e a economia. Esses eventos são ainda mais amplificados pela grande vulnerabilidade dos centros urbanos e pela falta de instrumentos de monitoramento e previsão imediata dos eventos severos. Campinas foi surpreendida por um evento meteorológico extremo no dia 5 de junho de 2016.

Com este fórum, propomo-nos aprofundar a discussão sobre eventos meteorológicos extremos no contexto da previsão exigida e pelo impacto causado por eventos dessa natureza. A vulnerabilidade atual é sem precedentes, com uma população crescente e uma urbanização cada vez mais acentuada produzindo zonas de risco. Os eventos extremos provocam impactos nunca antes observados, trazendo à ciência um grande desafio que só pode ser ultrapassado por articulações multi e interdisciplinares que aliem diferentes instituições e níveis de gestão.

Mais informações sobre programação e inscrições podem ser obtidas na página do Fórum Permanente.